Em Londres, acabei de experimentar quatro novos sabores de Fanta. Bem, a “Icy Lemon” tem esse nome, mas é a mesma Fanta Limão que já tivemos no Brasil e que tomei em outros países. A Fanta Frutas Vermelhas, que só encontrei em uma loja de conveniência no bairro de Whitechapell, é um horror. Só consegui dar dois goles. Gostei mais da “Fruit Twist”, que é um tutti-frutti bem suave. Teve também a “Mango & Passion Fruit”, que vem nessa latinha que parece de Fanta Uva. A mistura de manga com maracujá não deu em nada. Uma rouba o gosto da outra.


Com mais essas quatro, cheguei à incrível marca de 19 tipos diferentes de Fantas experimentados. Até de Pomelo eu tomei na Argentina. E olha que eu não gosto de pomelo. Pomelo é uma fruta de cor avermelhada, amarga, parente da grapefruit.


Aqui vai a minha lista. Começo com Fanta Laranja e Fanta Uva, vendidas hoje em qualquer supermercado, bar ou padaria. Na minha infância, havia também por aqui Fanta Limão e Fanta Guaraná. Adorava as duas. Em 1989, na minha primeira viagem a Paris, provei a Fanta Exotique, que era uma espécie de tutti-frutti. Em 2002, novamente na França, descobri a Fanta Latina, mistura de laranja, abacaxi e maracujá (olha a foto da latinha!).


Mais recentemente, os brasileiros conheceram Fanta Maçã, Fanta Morango, Fanta Citrus e uma com sabor de manga, que não deram muito certo. Em Portugal, encontrei outros dois sabores diferentes – abacaxi e maracujá.


Num supermercado de Frankfurt, na Alemanha, encontrei a “Fanta Itália” (que fez parte da série Fanta Mundo). Pelo desenho da embalagem, ela leva laranja, framboesa e blueberry. A “Fanta Jamaica” estava em falta (o que será que tinha dentro, hein?).


Durante as Olimpíadas de 2008, em Pequim, encontrei uma Fanta sabor maçã verde.


De todas elas, a minha preferida continua sendo a Fanta Limão. Como eu gostaria que ela voltasse a ser vendida no Brasil. É bem melhor que Sprite. Matei as saudades tomando várias “Fanta Limón” na Espanha, em 2008, e a “Icy Lemon” agora.


Leia também: 
Qual é a origem da Fanta?
Os sabores de Fanta que (ainda!) não experimentei