Bandeirante paulista que partiu de Taubaté e chegou ao interior do Piauí. Na sua caçada aos índios do Nordeste, perseguiu e destruiu uma série de aldeias. No Rio Grande do Norte, lutou na Guerra dos Bárbaros (1687). Seu principal feito, no entanto, foi a destruição do Quilombo dos Palmares, em 1694. A morte do líder Zumbi foi atribuída a André Furtado de Mendonça, da tropa de Velho. Era considerado por todos um homem muito rude, que falava mal o português. Comunicava-se sempre em tupi-guarani.