Esportes ingleses que não estão nas Olimpíadas

18 de junho de 2012

No próximo final de semana, acontece em Edimburgo, na Escócia, a Copa do Mundo do Futebol no Pântano. O esporte foi criado em 1997 por esquiadores finlandeses, que treinam nos pântanos durante o verão. O jogo alternativo rapidamente se popularizou na Europa. As regras são parecidas com as do futebol original, com algumas exceções – eles não podem trocar de sapatos durante o jogo, por exemplo. Cada time participa com apenas seis jogadores, um goleiro e cinco reservas, sem limite de substituições. Os jogos duram 24 minutos e, como o clima é bem descontraído, os participantes podem até se fantasiar.
Desde 2006, o Reino Unido sedia anualmente a competição. Cerca de 200 times de países como Austrália, Alemanha, Índia, Irlanda, Japão, Nova Zelândia, Polônia, Rússia e Estados Unidos participam do evento. Veja um trecho do campeonato do ano passado:

Aproveite para conhecer outras modalidades pra lá de bizarras que fazem parte do calendário esportivo britânico, mas – thank God! – não estarão nos Jogos Olímpicos.
Corrida do Queijo (Cheese Rolling)
A competição acontece no mês de maio em Cooper’s Hills, perto da cidade inglesa de Gloucester. É provável que tenham sido os fenícios que inventaram este esporte esquisito, centenas de anos atrás, mas as origens da tradição se perderam na história. A corrida funciona assim: o mestre de cerimônias joga um queijo do tipo Double Gloucester de 4 quilos montanha abaixo e os participantes precisam correr para alcançá-lo. Quem atinge primeiro a linha de chegada leva o queijo como troféu. Como a montanha é bem íngreme (tem uma inclinação de 45 graus), é praticamente impossível não cair ao longo do percurso de 180 metros.
A Corrida do Queijo já se tornou tão popular que atrai inclusive competidores internacionais. Todo ano, aparecem cerca de 20 mil pessoas em busca de uma chance de gargalhar do desempenho dos corredores.

Chuta-Canela (Shin-Kicking)
Em 1612, o capitão Robert Dover  inventou,  também em Gloucester, os Jogos de Costwold.  É mais um evento anual inglês que atrai multidões de espectadores, curiosos em assistir a jogos rústicos como cabo-de-guerra, corrida de obstáculos, lutas e o bizarro chuta-canela. Nesse jogo, dois combatentes (vestindo calças recheadas de palha) dão os braços e chutam um a canela do outro. A batalha acaba quando um dos lutadores desiste.

Jogo da Capa de Haxey (Haxey Hood Game)
Todo mês de janeiro, moradores da vila inglesa de Haxey disputam um jogo maluco que, à primeira vista, parece com o rúgbi. A diferença é que o objetivo das equipes – formadas por 13 jogadores cada – é levar um tubo de couro (que representa a tal da “capa”) até seu pub favorito. O primeiro que conseguir o feito tem o direito de deixar a “capa” no pub por um ano, até o campeonato seguinte.
A tradição vem do século 14. Lady Mowbray, mulher do latifundiário John Mowbray, andava a cavalo quando sua capa de seda foi levada pelo vento. Treze fazendeiros saíram correndo pelos campos para ajudar a moça a recuperar a peça. Um deles achou a capa, mas, por ser muito tímido, pediu que um amigo levasse a capa até ela. Lady Mowbray agradeceu ao fazendeiro que lhe devolveu a capa, chamando-lhe de “lorde”, e reprovou a atitude do homem que encontrou a vestimenta, apelidando-lhe de “bobo”. Ela ficou tão impressionada com o cavalheirismo dos fazendeiros que lhes doou cinco hectares de terra, com a condição de que o resgate da capa fosse reencenado todos os anos.
A encenação acabou virando um esporte, e tem até hoje uma tradição forte na região. Para torná-la mais realista, cada membro do time assume o papel de um personagem: um “lorde”, um “bobo” e 11 “feios”. Detalhes: o “bobo” tem o direito de beijar qualquer mulher que encontrar pelo caminho e, é claro, a donzela foi substituída por um pub.

Corrida de Husky (Husky Racing)
Todos os anos, uma casa de campo imponente, construída para uma visita do rei Henrique VIII em 1541, situada no condado de Lincolnshire, é o palco de mais uma estranha competição inglesa. Os extensos jardins do castelo de Grimsthorpe servem de pista para uma corrida de 400 cães da raça husky. Cada equipe compete de uma vez: quatro huskys puxam um triciclo dirigido por uma pessoa ao longo de um caminho pré-definido. Ao final de todas as corridas, quem completou o percurso em menos tempo é o vencedor.

Castelo de Grimsthorpe

Últimas Curiosidades

Artigos Relacionados

Curiosidades dos hinos dos times de futebol

Curiosidades dos hinos dos times de futebol

Você conhece o hino oficial de seu clube? Muitos clubes brasileiros têm dois hinos: o oficial e aquele realmente cantado pelas torcidas. Os oficiais, bem mais antigos, são cheios de versos rebuscados e praticamente caíram no esquecimento. O hino oficial do Flamengo,...

15 curiosidades sobre a Maratona de Nova York

15 curiosidades sobre a Maratona de Nova York

A primeira Maratona de Nova York aconteceu em 1970 por iniciativa do corredor Fred Lebow, dirigente do New York Road Runners Club. Apenas 55 dos 127 participantes completaram o percurso, que consistia em dar quatro voltas no Central Park. Cerca de 100 pessoas...

0 Comentários

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *