Até 1999, o Dia da Imprensa era comemorado em 10 de setembro porque é dessa data a primeira tiragem da Gazeta do Rio de Janeiro, primeiro veículo impresso no Brasil. No entanto, era um jornal oficial preparado pela Coroa Portuguesa, que acabara de chegar ao país. A comemoração mudou para 1º de junho porque nesse dia, em 1808, foi publicado o Correio Braziliense. O jornal, criado por José Hipólito da Costa, quando em exílio em Londres, foi o primeiro a tratar de assuntos de interesse do Brasil. A publicação tinha mais de 100 páginas e defendia a independência do país.