Novo Livro O Guia dos Curiosos - Edição Fora de Série

“Quero ver você não chorar”, nosso mais famoso jingle de Natal, completa 50 anos

27 de janeiro de 2022

Um dos mais lindos jingles de Natal de todos os tempos está completando 50 anos. Lançado no Natal de 1971, o jingle “Quero ver você não chorar” foi criado por Edison Borges de Abrantes, o Passarinho, para o Banco Nacional. O jingle foi encomendado por Lula Vieira, que era diretor de criação da agência que atendia o banco. “Quando Vieira procurou Passarinho, o compositor já tinha uma música pronta, que seria gravada pelo grupo vocal Titulares do Ritmo”, conta o professor Fábio Dias, autor do livro “Jingle é a alma do negócio“. “Com algumas alterações na letra, acabou sendo finalizada e imortalizada como jingle de Natal”.

Prev 1 of 1 Next
Prev 1 of 1 Next

Depois da reunião com Lula Vieira, Passarinho – que não escrevia uma nota musical – saiu correndo para a Publisol, chamou o compositor, arranjador e maestro Cido Bianchi. Começou a cantar a letra para que ele tocasse e escrevesse a melodia enquanto o técnico do estúdio gravava tudo para que a ideia não se perdesse.

Desde o primeiro comercial, que trazia um grupo de crianças regidas por um maestro interpretado pelo ator Mauro Gonçalves (o Zacarias, de “Os Trapalhões”), até o mais lembrado de todos, de 1988, em que um menino vence vários obstáculos com sua bicicleta para chegar a tempo de cantar as últimas palavras da letra com um coral infantil. Com o fim do Banco Nacional, “Quero ver você não chorar” se tornou jingle das Lojas Marabraz, cantado pela dupla Zezé di Camargo e Luciano.

Web Stories

Esta página contém links de afiliados. Ao fazer uma compra por um desses links, o Guia dos Curiosos recebe uma comissão e você não paga nada a mais por isso.

Artigos Relacionados

O famoso jingle das Casas Pernambucanas para o Natal

O famoso jingle das Casas Pernambucanas para o Natal

O publicitário Carlos Guerra, apelidado "Pança", sugeriu um jingle de Natal para as Casas Pernambucanas, cliente da agência BMS. Chico Oliveira compôs a música, enquanto a letra ficou a cargo de Joaquim Alves, o Costa, seu sócio e colega do grupo Titulares do Ritmo -...

0 Comentários

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Share This
A história do Hard Rock Cafe Curiosidades sobre o Biscoito Globo Como foi criada a Copa do Mundo Curiosidades sobre o Super Dínamo Os doutores mais famosos da ficção – parte 2