Novo Livro O Guia dos Curiosos - Edição Fora de Série

Curiosidades sobre os povos vikings

30 de julho de 2020
  1. No início da Idade Média havia muitas levas migratórias por toda a Europa. Três desses povos — os fineses, os escandinavos e os teutões, que eram divididos em raças como saxões, anglos e danos — estabeleceram-se em terras onde hoje ficam a Finlândia, a Suécia, a Noruega e a Dinamarca. Com o tempo, a região desses quatro países ficou conhecida como Escandinávia, que é composta pela península escandinava e a Jutlândia (Dinamarca). Mas, ao contrário do que se pensa, nem todos ali eram vikings. Apenas os escandinavos da Noruega e os danos das ilhas Bálticas e da Jutlândia eram vikings. Eles habitaram a região entre ao anos de 793 e 1066.
  2. Apesar de falarem a mesma língua, o escandinavo arcaico, e terem o mesmo alfabeto, o rúnico, os vikings nunca formaram uma nação. Na maioria dos povoados viviam entre cinquenta e quinhentas pessoas. Eles tinham características de pequenas fazendas, desenvolvidas às margens de lagos, rios ou dos fiordes. Havia agricultores, pescadores, artesãos e soldados. Grandes cidades foram fundadas, como Oslo, capital da Noruega, e Hedeby, na Dinamarca.
  3. Em uma mesma casa de viking, de um só cômodo, viviam várias famílias: irmãos com suas respectivas esposas, filhos e descendentes. O telhado era coberto por turfa, uma espécie de grama que protegia contra o frio, e o dono da casa tinha um trono no qual só ele podia se sentar. Uma lareira central, com saída no meio do telhado, aquecia o ambiente.
  4. Os vikings desenvolveram embarcações que lhes permitiam navegar tanto em águas profundas e agitadas como ancorar em praias e rios rasos para atacar os lugares. Possuíam velas listradas ou em xadrez, longas, estreitas e com quilhas. Assim, pouco penetravam na água e só se usava remo quando não havia vento.

Leia também: Por que os vikings usavam capacetes com chifres?

Esta página contém links de afiliados. Ao fazer uma compra por um desses links, o Guia dos Curiosos recebe uma comissão e você não paga nada a mais por isso.

Artigos Relacionados

A guerra mais rápida da história

A guerra mais rápida da história

Quanto tempo pode durar uma guerra? Bem, tivemos a Guerra dos Cem Anos, que durou mais de 100 anos (1337 a 1453).  A da Coreia está em cartaz há mais de 70 anos. Tem alguma curta, curtíssima? Aí tem História. No dia 27 de agosto de 1896, duas ilhas entraram em guerra....

O presente de grego nasceu com o Cavalo de Troia

O presente de grego nasceu com o Cavalo de Troia

Arqueólogos anunciaram na semana passada que teriam sido descobertos, em escavações na Turquia, restos de uma famosa construção... e, obviamente, aí tem História. A tal construção seria o Cavalo de Troia.  A Guerra de Troia teria acontecido por volta do século 12 a.C....

Laura Consulich: naufrágio explosivo

Laura Consulich: naufrágio explosivo

Um navio afunda, há poucas vítimas e, anos depois, ele é reencontrado, sua carga, em grande parte, é recuperada e pode ser reutilizada. É uma boa notícia? Não exatamente. E aí tem História. O navio é o cargueiro italiano Laura Cosulich. Em julho de 1941, com a Segunda...

0 Comentários

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Share This