O juramento dito na cerimônia de abertura por todos os atletas e juízes foi escrito por Pierre de Coubertin, criador dos Jogos Olímpicos da era moderna. Em 1920, o trecho do discurso que dizia “honrar nosso país” foi substituído por “honrar nossa equipe” com o objetivo de diminuir sentimentos nacionalistas. Os gregos faziam uma oração no templo de Zeus para que as competições fossem justas. Agora, os atletas prometem honra, boa vontade e esportividade, repetindo juntos o seguinte texto: “Em nome de todos os competidores, prometo que tomaremos parte nestes Jogos respeitando as regras que os governam, comprometidos com um esporte sem doping e sem drogas, com verdadeiro espírito esportivo, pela glória do esporte e a honra de nossas equipes.”

Estes são os atletas do país anfitrião que fizeram o juramento em nome de todos os competidores:

1920Victor Boin (esgrima)
1924George Andrew (atletismo)
1928Harry Dénis (futebol)
1932George Calnan (esgrima)
1936Rudolf Ismayr (peso)
1948Donald Finlay (atletismo)
1952Heikki Savolainen (ginástica)
1956*Melbourne: John Landy (atletismo)
Estocolmo: Henry Saint Cyr (equitação)
1960Adolfo Consolini (atletismo)
1964Takashi Ono (ginástica)
1968Pablo Garrido (atletismo)
1972Heidi Schüller (atletismo)
1976Pierre St. Jean (levantamento de peso)
1980Nikolai Adrianov (ginástica)
1984Edwin Moses (atletismo)
1988Huh Jae (basquete) e Son Mi-Na (handebol)
1992Luis Doreste (iatismo)
1996Teresa Edwards (basquete)
2000Rechelle Hawkes (hóquei)
2004Zoi Dimoschaki (nadadora)
2008Zhang Yining (tênis de mesa)
2012Sarah Stevenson (lutadora de taekwondo)
2016Robert Scheidt (vela)

*Em 1956, as provas de hipismo foram realizadas em Estocolmo.

Conheça os livros:
O Guia dos Curiosos – Jogos Olímpicos
Infográficos Olímpicos