Novo Livro O Guia dos Curiosos - Edição Fora de Série

Como cruzar o oceano de carro ou a pé?

7 de novembro de 2010

O Google Maps quase causa um conflito internacional. A Nicaraguá teria invadido um território da Costa Rica e o general Éden Pastora culpou o Google pelo erro. A divisa não está clara e esse problema se arrasta há cerca de 100 anos. Até o secretário-geral da OEA (Organização dos Estados Americanos) foi chamado a intervir. Problema semelhante aconteceu pouco tempo antes com as fronteiras do Camboja e da Tailândia também no Google Maps. Por isso, muito cuidado com as informações que o site traz.
Você sabe como viajar da China para o Japão de carro? O Google Maps ensina o caminho em 80 “etapas”. O  trajeto duraria 2 dias e 10 horas. O primeiro deles é seguir na direção leste na 312国道 em direção à 309省道 (seja lá o que isso signifique). Mas o curioso não são as indicações com o nome dos lugares, e sim a forma como o Google resolve um “pequeno” problema. Entre a China e o Japão, existe um oceano! A solução está no passo 42, logo depois de o motorista virar à esquerda na 塘后支路. “Cruzar o Oceano Pacífico em um jet ski”, indica o mapa. São 782 quilômetros no total. Isso significa que, para chegar ao Japão partindo da China de carro, você precisa levar  um jet ski no porta-malas ou num reboque. O problema é descobrir como atravessar um trecho do Mar da China  de jet ski levando um carro nas costas (afinal, a viagem continua por terra do outro lado, certo?).

Para não ter esse problema, o viajante (se for meio maluco) pode escolher ir a pé. Segundo o Google Maps, isso duraria 31 dias e 17 horas. O pedestre chegaria ao oceano na etapa 251, que recomenda a mesma coisa: “Cruzar o Oceano Pacífico em um jet ski”. Nesse caso, a pessoa não precisaria carregar um carro pela água, mas seria necessário descobrir o jeito mais fácil de carregar um jet ski a pé por 251 etapas.

Web Stories

Esta página contém links de afiliados. Ao fazer uma compra por um desses links, o Guia dos Curiosos recebe uma comissão e você não paga nada a mais por isso.

Artigos Relacionados

As cabines vermelhas inglesas sobreviverão?

As cabines vermelhas inglesas sobreviverão?

Com a popularização dos telefones celulares, acreditava-se que as famosas cabines telefônicas inglesas estariam condenadas ao ostracismo. Existem atualmente cerca de 21.000 cabines vermelhas em funcionamento em toda a Grã-Bretanha. O país já chegou a ter 92.000...

Lampião e seus cangaceiros em Londres

Lampião e seus cangaceiros em Londres

O cartunista e designer inglês Jamie Hewlett acaba de lançar uma série de desenhos usando Lampião e seus cangaceiros como referência. Os trabalhos estão à venda numa pequena galeria de arte no bairro do Soho, em Londres, que foi visitada pela jornalista Letícia...

Modern Toilet: restaurante temático em Taiwan é um… cocô

Modern Toilet: restaurante temático em Taiwan é um… cocô

Se você pensa que já viu de tudo, prepare-se para conhecer o restaurante temático mais bizarro do mundo. Ele fica em Taiwan e se chama Modern Toilet. A temática do restaurante é o banheiro. E tudo que se faz lá dentro. Cadeiras? Não. Os clientes sentam-se em privadas...

6 Comentários

6 Comentários

  1. Paulo

    Marcelo, não sei se voce sabe mas e quase impossivel ler o Blog pelo Google Reader.
    Todos os acentos e caracteres saem invertidos. Isso já faz muito Tempo mesmo.
    Não creio que sou o unico com este problema, melhor vc verificaf este problema.
    Abs

    Responder
    • guiadoscurglog

      Paulo, obrigado pela dica! Vou ver o que acontece. Abraços.

      Responder
  2. Paulo

    Marcelo, não sei se voce sabe mas e quase impossivel ler o Blog pelo Google Reader.
    Todos os acentos e caracteres saem invertidos. Isso já faz muito Tempo mesmo.
    Não creio que sou o unico com este problema, melhor vc verificaf este problema.
    Abs

    Responder
    • guiadoscurglog

      Paulo, obrigado pela dica! Vou ver o que acontece. Abraços.

      Responder
  3. Keize

    I agree with Paul. It’s nothing but a simple problem (good news)
    (:

    Responder
  4. Keize

    I agree with Paul. It’s nothing but a simple problem (good news)
    (:

    Responder

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Share This
Os 100 anos dos ursinhos da Haribo Qual é a origem do Creme Nivea? Você conhece o axolote, o “monstro aquático”? As pioneiras da ficção Científica