Novo Livro O Guia dos Curiosos - Edição Fora de Série

Quarto centenário

24 de abril de 2019

 

  • Um dos pontos altos das festividades foi a inauguração do parque do Ibirapuera, em 21 de agosto de 1954. O Monumento às Bandeiras e a nova Catedral da Sé também foram entregas à cidade na ocasião.
  • O samba era mal-visto pelos paulistanos da época. Mesmo assim, entre os inúmeros shows realizados, houve uma apresentação de Pixinguinha.
  • A comissão responsável pela festa contratou duas empresas para organizar a passagem de 11 carros alegóricos pelas principais avenidas da cidade, mas o desfile acabou sendo um desastre. O cortejo demorou horas para aparecer, e quando despontou na avenida São João, os foliões revoltados começaram a gritar “quebra, quebra”.
  • Os cenários e figurinos das apresentações de balé realizadas durante as comemorações foram assinados por artistas renomados, como Cândido Portinari e Di Cavalcanti.
  • O autor do hino do Quarto Centenário não era paulistano. Mário Zan nasceu em Veneza, na Itália, e se mudou com a família para o Brasil quando tinha 4 anos.

 

Esta página contém links de afiliados. Ao fazer uma compra por um desses links, o Guia dos Curiosos recebe uma comissão e você não paga nada a mais por isso.

Artigos Relacionados

2005O pesquisador Gauri Nanda do MIT (Instituto de Tecnologia de Massachusetts) inventou um despertador que corre e se esconde, obrigando os dorminhocos a levantar da cama. O relógio, batizado de "Clocky" ,  teoricamente aumenta a produtividade dos...

  B.B King O músico perdeu sua virgindade com apenas 6 anos. Foi com a namoradinha Peaches, de 7 anos, enquanto "brincavam de casinha". "Nós brincávamos que éramos casados e fazíamos tudo o que um casal faz. Eu ia trabalhar o dia inteiro e ela fingia que...

O pano feito de linho é uma relíquia da tradição católica e objeto de discussões entre cristãos, cientistas e historiadores. Amarelado, com 4,4m de comprimento por 1,2m de largura, o pano exibe a imagem de um homem...

0 Comentários

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Share This