Novo Livro O Guia dos Curiosos - Edição Fora de Série

Curiosidades sobre Star Wars

24 de abril de 2019
  1. O primeiro “Star Wars” começou a ser escrito por George Lucas em 1974, três anos antes do lançamento. Lucas cogitou várias ideias para o filme, que foram descartadas. Em uma delas o elenco principal seria formado por anões; Luke Skywalker, um general de 60 anos; e Han Solo, um alienígena.
  2. A primeira trilogia “Guerra na Estrelas” foi indicada a 20 estatuetas do Oscar e levou 10. Apenas o primeiro “Star Wars” foi nomeado na categoria “Melhor Filme” do Oscar.
  3. Bonecos dos personagens da produção de 1977, vendidos na época por três dólares, podem valer, hoje, mais de 1.500 dólares.
  4. Em uma cena de “Guerra nas Estrelas Episódio V: O Império Contra-ataca”, é possível ver uma batata e um sapato disfarçados de asteroides.
  5. Kenner, a fábrica responsável pelos brinquedos de “Star Wars”, e a LucasFilms registraram mais de 250 modelos de bonequinhos. Vários nem chegaram a ser feitos.
  6. Cavaleiros Jedi receberam influência do povo japonês: a palavra Jedi é derivada de Jidai Geki, que quer dizer “Período de Drama”, como são conhecidas no Japão as histórias dos Samurais.
  7. Em alemão antigo, o nome “Darth Vader” tem relação com a expressão “Pai Sinistro”. O nome original do personagem “Luke Skywalker” era “Luke Starkiller”.
  8. George Lucas bebeu de várias fontes ao criar o universo “Star Wars”. Entre elas, a abertura do seriado de Flash Gordon dos anos 30 e o cineasta Akira Kurosawa.
  9. Após a filmagem da trilogia inicial, o manto usado por Obi-Wan Kenobi foi emprestado para outros filmes. Depois, sumiu por cerca de 30 anos. Em agosto de 2005, a “BBC” anunciou que havia sido redescoberto no estoque da loja de aluguel de fantasias Angels the Costumiers, em Londres (Inglaterra). Estava catalogado como “túnica usada por monges”.
  10. O som da respiração do Darth Vader foi criado por Ben Burtt, que colocou um pequeno microfone no bocal de um respirador de mergulho e gravou o som da própria respiração usando o aparelho.
  11. O nome R2-D2 significa “Reel 2, Dialog 2”. A sigla surgiu durante a pós-produção de “Loucura de Verão” (1973), quando o editor de som pediu a Lucas o R2-D2, ou o Rolo#2 (Reel 2) do Segundo Diálogo (Dialog 2). Lucas gostou do som da abreviação e anotou para usá-la no futuro.
  12. O visual Yoda tem um detalhe de Albert Einstein. Stuart Freeborn, supervisor de efeitos especiais, usou o próprio rosto misturado com o lábio superior do famoso físico para criar o visual do personagem.
  13. O penteado marcante da Princesa Leia foi inspirado na guerrilheira mexicana Clara de La Rocha, líder do grupo Las Soldaderas, durante a Revolução Mexicana, em meados dos anos 1910.
  14. A língua dos ewoks é uma mistura de tibetano com nepali. A língua dos jawas é uma versão acelerada do zulu e a língua que Greedo fala é a sul-americana quechua.
  15. Chewbacca foi inspirado no cão de George Lucas, que era enorme e peludo, pesando 58 kg. Peter Mayhew, ator que interpretou Chewbacca, tinha 2,18 m de altura e foi escolhido justamente por seu tamanho imponente.
  16. O dia 25 de maio, data em que foi lançado o primeiro “Star Wars”, é considerado “Dia do Orgulho Nerd”. No dia 4 de maio, fãs da saga comemoram o Star Wars Day. Isso por causa de um trocadilho com o principal bordão do filme (“May the force be with you”). Em português, a brincadeira não faria sentido. Mas, em inglês, se substituírmos o início da frase pela data (“May the 4th”), a sonoridade fica bem parecida. Se você encontrar um fã de Star Wars no dia 4 de maio, pode cumprimentá-lo assim: “May the 4th be with you!”.
  17. Antes de Carrie Fisher e Harrison Ford, o diretor George Lucas cogitou em escalar Jodie Foster e Christopher Walker para os papéis de Princesa Leia e de Han Solo.
  18. A nave de Han Solo se chamava Millennium Falcon. Ela foi concebida quando Lucas estava numa lanchonete. Ele viu seu hambúrguer ao lado da azeitona e imaginou-a no lugar do cockpit, tendo o hambúrguer como o outro compartimento da nave.
  19. David Prowse, o ator sob a armadura de Darth Vader, afirma que até o dia em que o filme estreou, não sabia que James Earl Jones iria dublá-lo.
  20. Fitas foram amarradas no corpo da atriz Carrie Fisher, que interpretou a Princesa Leia, para que seus peitos não balançassem no espaço, onde não há gravidade.
  21. Haphaestus VII, Executor, Starbase Malevolent, Black Coven e Cosmocourse foram alguns dos 153 nomes sugeridos para a nave de Darth Vader. No final, ela foi chamada de Star Destroyer.
  22. Indiana, o cachorro de George Lucas, inspirou a criação do rosto de Chewbacca.
  23. Han Solo é o único personagem em todos os filmes da série que usa o Sabre de Luz sem ter poderes Jedi.
  24. Sete robôs foram necessários para interpretar R2-D2 já que, nas filmagens, eles ficaram presos na areia, quebraram, perderam peças…
  25. TIE, sigla de Twin Ion Engine (Motor Duplo de Íons), é a tecnologia utilizada nos caças do Império. O som do TIE Fighter é produzido pelo ruído de um jovem elefante combinado com um carro numa rodovia.

Leia também:
Como brinquedos de “Star Wars” conquistaram tantos fãs
Baby Yoda, o queridinho de “The Mandalorian”. Saiba como foi seu nascimento
A polêmica de John Williams: tema de “Star Wars” é um plágio?
Por dentro das armaduras de C-3PO e R2D2
As histórias mais curiosas dos efeitos visuais de “Star Wars”
Chewbacca: o melhor amigo de Han Solo e George Lucas
Como “Carrie, a Estranha” influenciou a escolha do elenco de “Star Wars”
Obi-Wan: ator achou o roteiro uma bobagem, mas fez “Star Wars” para pagar dívida
“Star Wars”: sem Flash Gordon, George Lucas resolveu escrever sua própria ficção científica

Esta página contém links de afiliados. Ao fazer uma compra por um desses links, o Guia dos Curiosos recebe uma comissão e você não paga nada a mais por isso.

Artigos Relacionados

Por que Frankenstein e Hulk são verdes?

Por que Frankenstein e Hulk são verdes?

Quando a escritora Mary Shelley publicou a história em 1818, Frankenstein era descrito com longos cabelos escuros, dentes muito brancos, 2,5 metros de altura e a pele amarelada. Em suas primeiras adaptações, a criatura sem nome - criada pelo doutor Victor Frankenstein...

O primeiro Batmóvel era um carro comum vermelho

O primeiro Batmóvel era um carro comum vermelho

Em 1939, o roteirista Bill Finger e o artista Bob Kane começaram a publicar “as incríveis e incomparáveis aventuras do Batman”. Logo o Homem Morcego se tornaria um fenômeno da cultura pop. Quatro anos depois do lançamento dos quadrinhos, o Cruzado de Capa chegou aos...

0 Comentários

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Share This