O mentiroso, por melhor que seja, tende a apresentar determinadas atitudes que acabam por denunciá-lo, avisam os especialistas no assunto. A linguagem corporal diz muito nessa hora. Eis alguns pontos que podem ajudar a identificar sinais de mentira:
  • Desviar os olhos quando perguntado sobre assuntos delicados.
  • Piscar os olhos com maior frequência.
  • Piscar rapidamente quando a conversa declina para um tópico comprometedor.
  • Inclinar-se para trás.
  • Responder “não” e balançar a cabeça afirmativamente, mesmo que de leve.
  • Respirar em pequenas e rápidas golfadas e entremeá-las com suspiros longos e profundos.
  • Evitar apontar o dedo ou enfatizar as palavras com movimentos amplos dos braços.
  • Falar com a mão ou alguns dedos na frente dos lábios.
  • Ao narrar uma história, fazer “pontes de textos”, que consistem em acelerações artificiais da seqüência dos fatos.
  • Pedir que o interlocutor repita a pergunta, com intuito de ganhar mais tempo na elaboração de uma resposta.
  • Não falar mal de si, mesmo em assuntos que não tem nada a ver com a mentira.

Leia também: A invenção do detector de mentiras