Novo Livro O Guia dos Curiosos - Edição Fora de Série

12 curiosidades sobre o Zé Carioca

24 de abril de 2019
  1. Em 1941, Walt Disney visitou alguns países América Latina a pedido do governo americano, cujo objetivo era reforçar a política de boa vizinhança. No Rio de Janeiro, Disney conheceu o cartunista J. Carlos, que foi inspiração para a criação do personagem Zé Carioca. O papagaio brasileiro foi criado para o filme Alô, amigos, de 1942. Era um desenho que mostrava a América do Sul e o Zé ciceroneou o Pato Donald em terras brasileiras. Ao som de Aquarela do Brasil e Tico-tico no fubá, eles beberam cachaça e sambaram juntos, e o filme popularizou as duas músicas no exterior. Três anos depois, o papagaio apareceu novamente em Você já foi à Bahia?
  2. Disney escolheu o papagaio porque era a ave que mais se aproximava do estilo de vida do brasileiro: despretensioso, safo, feliz e até meio preguiçoso. Herivelto Martins foi a inspiração para o rosto.
  3. O gingado e os gestos do Zé Carioca foram inspirados em um… paulista. Zezinho, violonista que trabalhava com Carmen Miranda, era da cidade de Jundiaí (SP).
  4. A primeira aparição do personagem em uma história de quadrinhos brasileira aconteceu em 1950. Ele apareceu na capa de “O Pato Donald” #1, que marcou a estreia da editoria Abril.
  5. Jorge Kato foi o primeiro brasileiro a desenhar o personagem, em 1953. O desenho foi usado em outra capa da revista “O Pato Donald”.
  6. Em 1964, Zé Carioca ganhou uma revista própria. O curioso é que a primeira edição a chegar nas bancas foi a de número 479. Isso porque a editora Abril decidiu alternar a numeração da revista com a do Pato Donald.
  7. Depois de um tempo, as revistas passaram a ser independentes. Mesmo assim, a número 1 do Zé Carioca nunca chegou a ser lançada.
  8. Na década de 60, não havia mais material do Zé Carioca para ser publicado. Isso fez com que a editora Abril adaptasse histórias do Mickey e do Pateta com o personagem brasileiro. Nelas, alguns personagens eram substituídos pelo Zé Carioca.
  9. Foi nesse mesmo esquema que surgiram Zico e Zeca, sobrinhos do Zé Carioca. Eles substituíram Huguinho, Zezinho e Luizinho. Os mais observadores podem reparar que sempre há um espaço sobrando, correspondente ao terceiro sobrinho.
  10. O time de futebol de Zé Carioca se chamava Vila Xurupita Futebol Clube. Sua sala de troféus não tinha nada, além de teias de aranha.
  11. Nos anos 70, quando a revista passou por uma reformulação para adquirir uma identidade mais brasileira, seus exemplares chegaram a vender mais que os do Pato Donald.
  12. Em abril de 2000, o Zé Carioca ganhou uma graphic novel de 84 páginas, com o título “Zé Carioca – especial Brasil 500 anos”. Ele era o único personagem da Disney que ainda não tinha uma.

Esta página contém links de afiliados. Ao fazer uma compra por um desses links, o Guia dos Curiosos recebe uma comissão e você não paga nada a mais por isso.

Artigos Relacionados

Por que Buzz Lightyear ganhou esse nome?

Por que Buzz Lightyear ganhou esse nome?

Foi divulgado hoje o primeiro teaser do filme "Lightyear", que tem estreia prevista para 17 de junho de 2022. O filme contará a história do patrulheiro espacial que depois inspiraria o astronauta de brinquedo, um dos símbolos da animação "Toy Story". O nome do...

Os 50 anos do “Manual do Escoteiro Mirim” no Brasil

Os 50 anos do “Manual do Escoteiro Mirim” no Brasil

A Editora Abril lançou no Brasil o primeiro "Manual do Escoteiro Mirim" em julho de 1971. A edição de capa dura, com 13cm x 19,5cm, tinha um total de 264 páginas. A edição original - "Manuale delle Giovani Marmotte" - tinha sido publicada na Itália pela Editora...

Caubóis e dinossauros no Vale de Gwangi

Caubóis e dinossauros no Vale de Gwangi

Em 1969, Jim O'connolly dirigiu o filme “O Vale de Gwangi”. Ambientado no final do século XIX, no novo México, “O Vale de Gwangi" colocou, lado a lado, caubóis e dinossauros! O filme é estrelado por James Franciscus, que vive o papel do vigarista Tuck Kirby. O vilão...

0 Comentários

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Share This