Hoje vou assistir a meu sétimo jogo no estádio nesta Copa. Será Espanha x Paraguai, no Ellis Park, em Johanesburgo. Sete não é nada se comparado à performance do sul-africano Thulani Ngcobo, que entrou para o Livro dos Recordes no último dia 25. Ele é o recordista de jogos assistidos em estádios em Copas do Mundo. Espanha x Paraguai foi o seu 27º jogo – sem contar outros sete, que só viu pela metade.

Em Chile x Espanha, Ngcobo completou a 21ª partida, bateu o recorde anterior e recebeu o certificado do Guinness Book. No discurso de agradecimento, ele garantiu que completará 31 jogos até a decisão, no dia 11 de julho. Ou seja, quase metade dos 64 jogos. “Eu sou apaixonado por futebol e, mesmo que seja muito difícil e desgastante, com muitas viagens e muito pouco sono, estou amando cada momento”, conta Ngcobo.

Para o feito, foram rodados 7.500 quilômetros de carro e 7.000 quilômetros de avião, Ele assistiu a 2.165 minutos de futebol. Sim, o Guinness só contabiliza os jogos assistidos por inteiro. Na última rodada da primeira fase, os jogos de cada grupo foram realizados simultaneamente. Só aí ele perdeu 8 jogos. Nesse período, Ngcobo dormiu aproximadamente 65 horas, o que significa uma média de apenas 4,6 horas diárias.

Ngcobo teve que levar aos estádios um documento para ser assinado por duas pessoas desconhecidas dele. Também valeram ingressos, fotografias e vídeos para comprovar a presença do sul-africano nos jogos. “Eu costumava dizer a todos que eu ‘vivo, como e durmo’ futebol, mas agora eu realmente sei o que isso significa”, afirma o novo recordista do Guinness. Ele acredita que seu recorde vai demorar muito para ser batido. “A próxima Copa será no Brasil e as distâncias serão muito grandes”,  ele me falou. “Ninguém me tira esse recorde tão cedo”.