Febre, mal-estar, falta de apetite, cansaço e, principalmente, manchas avermelhadas na pele que se transformam em bolhas e crostas, causando muita coceira. Esta é a varicela, mais conhecida no Brasil como catapora, doença altamente contagiosa, causada pelo vírus Varicela-Zoster.

CATAPORA

Uma vez que um ser humano pega catapora, fica imune a ela pelo resto da vida. É comum que a doença seja adquirida durante a infância, pelo contato com colegas de escola infectados. Alguns pais acreditam que os efeitos da varicela sejam piores na fase adulta e fazem de tudo para que seus filhos adquiram o vírus o mais cedo possível.
Para isso, americanos organizam eventos chamados “Pox Parties” (“festas da catapora”), nos quais reúnem crianças infectadas com não-infectadas. Existem páginas no Facebook dedicadas a isso, como a Pox Party USA e a “Find a Pox Party Near You” (deletada ontem por causa de críticas às festas de catapora).
O hábito é facilitado pela internet desde a década de 1990. Nas festas, as crianças são incentivadas a compartilhar copos e trocar pirulitos ou doces para ter contato com a saliva dos infectados. Tudo isso enquanto veem filmes, jogam videogames e brincam.  Em tempo: existe uma vacina para a catapora, mas alguns casais americanos acreditam que exista relação entre a injeção e o autismo.