O pastor alemão Dick foi promovido a cabo da Polícia Militar da cidade de São Paulo, nos anos 50, por atos heróicos. O mais célebre desses atos foi ter encontrado o menino Eduardinho, raptado em 1956.