Esta semana, Marcelo Tas publicou em seu Twitter : “Casamento real deixou uma dúvida: quando Elizabeth morrer vão mudar a letra do hino ‘God Save the Queen’?” Para responder essa pergunta, nada melhor que ouvir um especialista: Tiago José Berg, autor do livro Hinos de todos os países do mundo.
livro Hinos de todos os países do mundo.
E a resposta é: a letra muda sim. Apresentado pela primeira vez ao público em 1745, o hino se chamava God Save the King, já que o governante da época era o rei Jorge II. A letra é adaptada para king (rei) ou queen (rainha) de acordo com quem está com a coroa. Portanto, quando o Príncipe Charles subir ao poder, ouviremos a versão masculina novamente.

Um caso exatamente contrário é o da Dinamarca. O hino real do país se chama Kong Kristian (“Rei Christian”) e foi composto em cerca de 1780 em homenagem ao rei Christian IV. “Ele tem o mesmo valor do hino nacional e não mudou de acordo com os governantes”, diz Berg.  “A letra ainda fala diretamente do Rei Christian”. Ouça o hino (e tente acompanhar as legendas):