1. Na cidade de Hamburgo, dois irmãos descobriram o corpo da mãe no meio das coisas do pai. Depois que o homem se suicidou, em maio de 2001, os filhos foram arrumar as coisas do pai e, sob a cama, encontraram uma grande caixa. Dentro dela estava o corpo da mãe, acondicionado em sacos plásticos. Um ano e meio antes, o homem havia dito aos filhos que a mulher o havia abandonado. Uma autópsia revelou que ela foi assassinada com um tiro na cabeça em janeiro de 2000.

2. Em Mainz, um homem cego de 33 anos foi multado por dirigir bêbado e sem habilitação. Em abril de 2001, ele pegou o volante do carro em frente a uma escola de cegos e dirigiu por cerca de 15 metros. Aí, foi parado pela polícia. Ela havia comprado o carro para que outras pessoas guiassem para ele, mas estava bêbado e decidiu fazer isso ele mesmo. Levou uma multa equivalente a 3 mil reais.

3. Na cidade de Zinnwald-Georgenfeld, a polícia estava procurando por um ladrão diferente. Em outubro de 2001, um homem garantiu ter sido assaltado por um macaco. O bicho havia pulado em seu peito, levado tudo de seus bolsos e fugido. Ele disse ainda que um menino de cerca de 12 anos havia fugido com o ladrão. O prejuízo foi estimado no equivalente a 380 reais.

4. No dia 10 de outubro de 2001, começou na cidade de Traunstein o julgamento de um barbeiro alemão que se fez passar por médico durante 20 anos. Ele atendia em duas clínicas e três consultórios e nunca despertou suspeitas. Está sendo acusado de receitar cortisona regularmente a centenas de pacientes, inclusive crianças, desde 1983.

5. Um estudante da cidade de Luneburg presenteou seus professores com um bolo recheado de haxixe. Dez deles acabaram parando no hospital com intoxicação. O aluno, depois de pedir desculpas, foi condenado a 10 dias de serviços comunitários.

6. Segundo o jornal “Bild”, uma promotora alemã escondeu provas de um processo para inocentar o namorado, por quem ela estava apaixonada. O homem, Wilhelm Ferdinand Terhar, acusado de vários assaltos a bancos, acabou libertado depois que cumpriu a prisão preventiva. Mas um juiz descobriu as alterações e denunciou a promotora.

7. O canibal Armin Meiwes conheceu o técnico de computação Bernd Brandes quando divulgou um anúncio procurando alguém que aceitasse ser comido por ele. Meiwes matou Brandes e comeu 23 quilos de sua carne durante10 meses, até que a polícia o desmascarasse. O canibal disse ao júri que comer carne humana era, para ele, uma comunhão.

8. Um assassino alemão que bebeu o sangue e comeu a carne de dois adolescentes foi condenado à prisão perpétua. Identificado apenas como Jan O., o criminoso de 26 anos confessou ter matado a menina Nina (14) e seu amigo Tobias (13), na cidade de Bodenfeld em novembro de 2010. Seus crimes excessivamente violentos chocaram a Alemanha.

9. Um grupo de quatro pensionistas alemães sequestrou o próprio assessor financeiro em 2010. O drama começou nos Estados Unidos. Dois casais de alemães aposentados investiram mais de 3 milhões de dólares no mercado imobiliário norte-americano. Mas a quebra do setor acabou derrubando o investimento. Quem pagou o pato foi James Amburn, o assessor financeiro do grupo.

10. Em 1993, um maquinista desempregado de 39 anos enterrou uma faca de cozinha nas costas da jogadora de tênis Monica Seles durante o intervalo de um jogo. Depois ele assumiu que o motivo do crime foi sua obsessão pela tenista Steffi Graf, que no momento perdia para Seles a primeira colocação no ranking mundial. Ele conseguiu o que queria.

Livro mostra a origem dos nomes de diversos países.