Quem conta esta história é a jornalista Fernanda Furquim,  autora do livro “As Maravilhosas Mulheres da Séries de TV” (2008). Durante a produção de “O Homem de Seis Milhões de Dólares”, os produtores também introduziram um menino biônico, interpretado por Vincent Van Patten. Na história, Andy é um rapaz que sofre um acidente o que o leva a ser submetido a uma cirurgia de implantes biônicos. Mas, quando o governo percebeu que o rapaz não é capaz de controlar seus poderes, decide neutralizar a super força dos biônicos, deixando que o rapaz tenha uma vida normal.

Leia também: A mulher biônica foi casada com o Homem de Seis Milhões de Dólares?

 

Lee Majors aceitou a história do menino. Mas, na sequência, quando os produtores vieram com a história do cachorro, ele foi contra. Então, Max, o Cão Biônico, aparece no início da terceira temporada de “A Mulher Biônica”. Na verdade, o nome do cão biônico era Maximilion. O nome e a origem do cão biônica têm uma grande curiosidade, que é contada neste áudio resgatado por Magalhães Júnior para o programa “Você é Curioso?”. A Mulher Biônica era dublada por Sumara Louise e você poderá ouvir também o som característico das duas séries quando alguma “coisa biônica” acontecia.