Novo Livro O Guia dos Curiosos - Edição Fora de Série

FBI

24 de abril de 2019

 

John Lennon foi uma figura bastante popular nos anos 70, principalmente quando o assunto era assustar a polícia.

  • Lennon tinha uma pasta com seu nome nos arquivos do FBI. Na frente havia a inscrição “confidencial” e seu conteúdo só foi revelado 12 anos depois da ativação. Entre os documentos havia letras de músicas que o cantor escreveu para um amigo ativista pró-maconha em 1971.
  • Em 1972 o FBI de Nova York enviou uma mensagem para os agentes de Miami, ambas nos Estados Unidos, ordenando que Lennon fosse preso “de qualquer jeito” por posse de drogas. Na época havia uma agente secreta infiltrada nas comunidades hippies. Entre as constatações, ela denunciou a existência de um papagaio, de Lennon, que dizia a frase “right on”, uma gíria dos jovens parecida com “manda ver”.
  • O FBI distribuiu para policiais de Miami um cartaz, no estilo dos pôsters de “procura-se” do velho oeste, para facilitar o reconhecimento do músico. Só que a foto usada no cartaz não era de Lennon. Era de David Peel, um cantor de rua parecido com o músico.

 

Esta página contém links de afiliados. Ao fazer uma compra por um desses links, o Guia dos Curiosos recebe uma comissão e você não paga nada a mais por isso.

Artigos Relacionados

0 Comentários

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Share This