Novo Livro O Guia dos Curiosos - Edição Fora de Série

Tarô

24 de abril de 2019

 

  • A palavra tarô, do francês tarot, teria vindo do velho Egito, onde o baralho teria surgido, e significava roda ou caminho.
  • A obscura história do tarô está ligada ao aparecimento dos jogos de cartas. Eles chegaram a Europa por volta de 1300, trazido pelos árabes.
  • O primeiro registro feito sobre o tarô data de 1377 e aparece em uma correspondência de um monge suíço chamado frei João, que diz ter conhecido cartas capazes de indicar o atual estado do mundo.
  • Um documento um pouco mais antigo, de 1392, fala de uma encomenda de três baralhos do rei Carlos VI ao pintor Jacquemin Gringonneur.
  • No final do século XVI, surge o jogo de cartas moderno e o nome tarô passa a designar apenas os baralhos com propósitos divinatórios.
  • Uma descrição minuciosa de suas cartas foi realizada pelo historiador francês Antoine Court de Gébelin. No primeiro dos 9 volumes de sua obra Le mond primitif, Gébelin afirma que as cartas do tarô foram extraídas do Livro de Toth (um deus egípicio).
  • Alliette, um peruqueiro francês que viveu no século XVIII, foi uma das primeiras pessoas a usar as cartas para adivinhação individual e com intuito comercial de que se tem notícia. O cartomante, que se apresentava sob o pseudônimo Etteilla – seu nome ao contrário -, também praticava quiromancia (leitura das linhas da mão), interpretava sonhos, fazia horóscopos e vendia amuletos mágicos.
  • Existem diversos tipos de tarô. Entre eles, um dos mais populares é o de Marseille, desenhado em 1760 pelo espanhol Nicolas Conver. Em geral, porém, os jogos possuem 78 cartas, divididas em dois grupos: os arcanos maiores (22 cartas alegóricas) e menores (56 cartas separadas em naipes). Segundo os manuais de cartomancia, os primeiros dizem respeito ao lado mais subjetivo da vida e os segundos, a questões objetivas, como viagens, doenças e dinheiro.

 

Esta página contém links de afiliados. Ao fazer uma compra por um desses links, o Guia dos Curiosos recebe uma comissão e você não paga nada a mais por isso.

Artigos Relacionados

0 Comentários

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Share This