Malba Tahan

  • O homem que calculava, livro mais célebre do escritor, já foi traduzido para 12 idiomas. O escritor árabe Ali Iezid Izz-Edin Ibn Salim Hank Malba Tahan nasceu perto da cidade de Meca e morreu no deserto lutando por sua tribo. Contam-se cerca de 120 títulos. Bem, na verdade Malba Tahan foi o pseudônimo criado pelo professor paulista Júlio César de Mello e Souza para lançar uma série de livros.