Novo Livro O Guia dos Curiosos - Edição Fora de Série

A origem dos nomes dos meses do ano

25 de junho de 2020

Ao longo da História, já foram feitas várias versões do calendário romano. De acordo com a primeira delas, da qual herdamos a maioria dos nomes de meses, o ano tinha início em março, no dia do equinócio de primavera no Hemisfério Norte, e contava apenas com dez meses. Feita pelo imperador Rômulo (753-717 a.C.), essa versão logo foi modificada por seu sucessor Numa Pompílio (717-673 a.C.), que acrescentou dois meses — janeiro e fevereiro — aos já estabelecidos. De acordo com o novo calendário, os novatos seriam o décimo primeiro e o décimo segundo meses do ano. Foi apenas a partir do Calendário Juliano, estabelecido pelo imperador Júlio César (100-44 a.C.), que o ano passou a se iniciar em janeiro. Vale lembrar que o calendário que seguimos hoje não é nenhum desses, e sim o Gregoriano, criado em 1582 pelo papa Gregório XIII, uma evolução dessas versões. Os nomes dos meses, contudo, permanecem os mesmos desde o início do milênio.

Leia também: A origem dos nomes dos dias da semana

Janeiro
Homenagem a Jano, deus romano considerado o senhor das passagens, deus dos inícios.

Fevereiro
Deriva do deus Fébruo, a quem nessa época do ano os romanos homenageavam com festas de purificação, a fim de apaziguar os mortos com sacrifícios e oferendas.

Março
Homenagem a Marte, deus da Guerra.

Abril
Há quem diga que este nome faz referência a Afrodite, deusa do Amor. Para outros, o termo vem do verbo latino aperire, referência à aber- tura das flores, já que este mês marca a primavera no Hemisfério Norte.

Maio
Referência a Maia, deusa da Honra e da Reverência.

Junho
Homenagem à deusa Juno, protetora das mulheres (especialmente das casadas) e da maternidade.

Julho
Inicialmente, este mês era chamado de Quintilis, por ser então o quinto mês do ano. Porém, pouco depois do assassinato do imperador Júlio César, ocorrido nessa época (no ano de 44 a.C.), passou a ser denominado julho, em homenagem a ele.

Agosto
Originalmente chamado de Sextillis (derivado de sextus), por ser então o sexto mês do ano. Em 8 a.C., porém, o imperador romano César Augusto (sucessor de Júlio César) estabeleceu que fosse denominado agosto em sua homenagem, já que vários bons acontecimentos de sua vida haviam se passado nesse mês.

Setembro
O termo vem do latim septem (sete), pois originalmente era o sétimo mês do ano.

Outubro
Deriva do latim octo (oito), já que originalmente era o oitavo.

Novembro
Vem do latim nouem, pois por alguns séculos foi o nono mês.

Dezembro
T
ermo derivado do latim decem, por ter sido o décimo mês.

Esta página contém links de afiliados. Ao fazer uma compra por um desses links, o Guia dos Curiosos recebe uma comissão e você não paga nada a mais por isso.

Artigos Relacionados

A origem dos acentos e símbolos gramaticais

A origem dos acentos e símbolos gramaticais

O surgimento e a história do sistema de pontuação têm acompanhado o desenvolvimento da escrita. No começo, os textos eram redigidos em letra maiúscula  e de forma contínua, sem espaço entre os vocábulos. Zénodoto de Éfeso (320-240 a.C.), responsável pela Biblioteca de...

Quando começamos a colocar o pingo no i?

Quando começamos a colocar o pingo no i?

A adição do ponto sobre a letra i data do século XVI. Quando os caracteres góticos foram adaptados, os dois is (ii) eram frequentemente confundidos com a letra u. Para evitar esse problema, criou-se o costume de acrescentar a ele o acento gráfico til, o apóstrofo e...

0 Comentários

0 comentários

Trackbacks/Pingbacks

  1. A origem dos nomes dos dias da semana - Guia dos Curiosos - […] Leia também: A origem dos nomes dos meses do ano […]

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Share This