Novo Livro O Guia dos Curiosos - Edição Fora de Série

Crush e mais refris diferentes

4 de junho de 2008

No aniversário do “Você é Curioso?” do ano passado, uma ouvinte que mora no Japão enviou para nós uma garrafa de Pepsi Pepino. Tô falando sério! Na verdade, o refrigerante lembrava mais melancia… Adoro experimentar refrigerantes. Outro dia, na Feira dos Bolivianos, no bairro do Pari, em São Paulo, comprei uma garrafa da famosa Inka Kola, do Peru. Está escrito que o refrigerante é de mam~çaipapaya. Ah, tá! Na maior parte das vezes, esses refrigerantes têm gosto de água com açúcar. O amigo José Eduardo Camargo trouxe, também do Peru, uma garrafa de Kola Inglesa para reforçar a minha teoria.


Hoje à noite, aqui em casa, abrimos uma garrafinha de Crush, lembra? Ela veio dos Estados Unidos. Quem provou primeiro foi o Rodrigo, meu filho. “Tem gosto de Sukita”, decretou. Também provei um pouco e achei mais suave que a Fanta Laranja e a Sukita.

E você? Já experimentou algum refrigerante diferente? Aí na sua cidade tem alguma coisa bem maluca? Vamos voltar ao tema amanhã!

Esta página contém links de afiliados. Ao fazer uma compra por um desses links, o Guia dos Curiosos recebe uma comissão e você não paga nada a mais por isso.

Artigos Relacionados

Por que o céu é azul?

Por que o céu é azul?

A razão pela qual o céu é azul está relacionado em como a luz do sol é espalhada pelas moléculas que nós temos na nossa atmosfera. Na verdade, a luz do sol tem vários comprimentos de onda, tem várias cores, então a emissão do sol é emissão em banda larga com várias...

10 hóspedes terríveis

10 hóspedes terríveis

1. Amy Winehouse A cantora inglesa deixou o quarto do Riverbank Plaza Hotel, de Londres, cheio de garrafas e cigarros espalhados. Nos estofados, manchas de licor. No banheiro, sujeira de tinta de cabelo preta.2. Salvador Dali O pintor espanhol deu trabalho aos...

Como nasceu o jogo do bicho?

Como nasceu o jogo do bicho?

"A ideia foi do mexicano Manuel Zevada em 1893", afirma Ângela Sevastano, folclorista do Museu do Folclore de São José dos Campos (SP). Ele era amigo do barão João Batista Viana Drummond. Progressista e apoiador da causa...

9 Comentários

9 Comentários

  1. Carla Aparecida da S

    Agora que lembrei já vi refrigerante de caju, se é bom eu não sei mais acho que vale a pena esperimentar um grande abraço
    Carla

    Responder
  2. Carla Aparecida da S

    Gostaria de comentar um fato que aconteceu com a minha mãe naqueles almoços de família que é uma verdadeira bagunça de tanta gente e imaginem só foi realizado na casa da minha avó materna.
    Estavamos todos na maior alegria quando minha avó dona Didi pediu para que minha mãe fosse ao mercado que tinha no bairro buscar refrigerantes para começarmos o almoço e quando a minha mãe estava saindo brincamos com ela dizendo assim: Trás um refrigerante UAAHH. Nós estavamos nos referindo aqueles refrigerantes que tem um preço mais em conta pois a família é grande e acha coca-cola para tanta gente.
    Só sei que não levaria nem 10 minutos para ela comprar e voltar com os refrigerantes e se passaram 15, 20, 25 minutos e nada dela voltar ai eu e uma prima minha fomos ao tal supermercado ver o que estava acontecendo pois já estavam todos com muita fome.
    Chegando lá encontramos minha mãe no corredor dos refrigerantes super pensativa ai perguntamos? O que houve mãe, por essa demora toda? e ela muito inocente respondeu: É que eu não estou achando o tal do refrigerante UAAHH que vocês pediram que eu compra-se. Não deu outra eu e minha prima caimos na maior gargalhada dentro do supermercado e minha mãe sem enterder nada até ficou um pouco brava com a gente mais no caminho com muito sacrificio explicamos para ela que o refrigente UAAHH era um refri mais barato, ai até ela caiu na gargalhada.
    Chegando na casa da minha avó a história foi explicada ai imaginem só um olhava para o outro e lembrava da história e todos coletivamente começavamos com a nossa gargalhada familiar.
    Não foi um refrigerante muito diferente, mais com certeza ficou para a história da nossa família.
    Espero que tenha gostado da hitória comica que ocorreu na minha família , mais esta é apenas uma das histórias.
    Beijos
    Carla

    Responder
  3. Renata

    Oi..Além do Crush, Grapette..lembro que a gente considerava TUBAÍNA, refrigerante rss [naquele tempo a gente adorava um Q-suco] abçs

    Responder
  4. Amanda

    No Uruguai tem um refrigerante muito gostoso de “pomelo”, conhece? eu não lembro exatamente do gosto porque faz muito tempo que provei, mas lembro que eu tinha adorado!
    no mais, esse crush deve ser uma delícia! sou apaixonada por fanta e sukita e fico imaginando que um gosto um pouco mais suave deve ser maravilhoso!!

    Responder
  5. Gustavo

    Guaraná Jesus, sabor Tutti-frutti, o gosto é esquisitísimo.
    Fiz coleção de latas e experimentei muita tranqueira, essa é especial pois tem história aqui no Brasil.
    Ah, e só pra registrar, lembro de já ter tomado a Crush de morango.
    Vale experimentar (eu lembro de ter gostado até mesmo por xingar meu irmão porque ele tomou a maoir parte, é devia ser boa).
    Valeu!

    Responder
  6. Eu

    Refrigerante de chocolate, comprado na italia. Não lembro a marca mas era horrivel…

    Responder
  7. HILARIO HAUT

    NOS ANOS 70 TOMÁVAMOS SÓMENTE CRUSH. ÉRA UMA DELÍCIA. A GENTE MORAVA NO INTERIOR DE SANRA CATARINA (MUNICÍPIO DE SCHROEDER). LÁ TINHA UM CAMPO DE FUTEBOL E A GAROTADA SE REUNIA POR LÁ TODO FINAL DE SEMANA. TINHA UM BARZUNHO PRÁ GENTE TOMAR NOSSO REFRIGERANTE CRYSH (QUE DELÍCIA). TINHA UMA PROMOÇÃO DA TAMPINHA PREMIADA (TOME OUTRA GRÁTIS).
    FUI PREMIADO. GANHEI OUTRA CRUSH, E O DONO DO BAR JOGOU A TAMPINHA PELA JANELA. FUI LÁ CATEI A TAMPINHA, E NO OUTRO FINAL DE SEMANA, TOMEI MAIS UMA GRÁTIS, E LÁ FOI A TAMPINHA PELA JANELA OUTRA VEZ. TOMEI CRUSH GRÁTIS POR UM BOM TEMPO ATÉ O DONO DO BAR DESCOBRIR. FOI BOM ENQUANTO DUROU.

    Responder
  8. Samuel Carneiro

    Sou de Niterói – RJ. Aqui temos o refrigerante MINEIRINHO, que é feito com uma erva mdicinal da flora brasileitra, a erva Chapéu de Couro (Echinodorus macrophyllum), muito usado para tratar problemas gastro-intestinais. O sabor é muito bom e diferente de todos os refrigerentes vendidos hoje no mercado brasileiro. Ele é fabricado nas versões Zero e Comum. O site do fabricante é http://www.mineirinho.net . Ele é fabricado desde 1946 aqui na região de Niterói.

    Responder
  9. Christiane Pitombeira

    SIM, sobre o refrigerante de cajú existe mesmo e é uma delícia, bom… eu adoro! Sou de Fortaleza-CE e aqui ele existe, talvez pela fruta ser típica da região. É da São Gerardo!!!

    Responder

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Share This