Novo Livro O Guia dos Curiosos - Edição Fora de Série

Quem criou a frase “o cão é o melhor amigo do homem”?

1 de junho de 2021

A autoria da frase é atribuída ao advogado americano George Graham Vest (1830-1904), embora ele não a tenha dito exatamente assim.

Tudo começou com a briga de dois fazendeiros vizinhos no Condado de Warrensburg, no Estado do Missouri, Estados Unidos, em 1869. O agricultor Charles Burden tinha um foxhound chamado Old Drum (Velho Tambor), considerado um caçador nato. Certo dia, Burden recebeu uma ameaça do vizinho, Leonidas Hornsby: “Se o seu cachorro aparecer aqui atrás de minhas ovelhas, eu mato ele”. Pois, certo dia, Old Drum apareceu mesmo morto. Burden ficou arrasado com a morte de seu companheiro e resolveu processar Hornsby. No primeiro julgamento, porém, ele acabou ridicularizado. Onde já se viu fazer um julgamento por causa da morte de um cachorro?

Pois Burden recorreu ao Tribunal de Justiça e, desta vez, teve a seu lado o advogado George Graham Vest, que depois se tornaria Senador entre 1879 e 1903. No julgamento, em 23 de setembro de 1870, Vest fez um discurso antológico sobre a fidelidade dos cães e seus donos. Dizem que arrancou lágrimas dos jurados. O juiz Foster Wright multou e prendeu Hornsby pelo assassinato de Old Drum. A história foi contada em 2000 no filme “The trial of Old Drum” (O julgamento de Old Drum). O caso ficou tão famoso nos Estados Unidos que o cachorro ganhou em 1958 uma estátua em bronze na frente do Tribunal de Warrensburg.

Leia o emocionante discurso de George Graham Vest e repare que ele não disse a frase “o cão é o melhor amigo do homem”. Mas, ao terminar o texto, o leitor não terá a menor dúvida de que a frase resume perfeitamente a sua defesa:

Senhores jurados, o melhor amigo que um homem tem neste mundo pode voltar-se contra ele e tornar-se seu inimigo. O filho ou filha que educou com amor e cuidado podem responder com ingratidão. Aqueles que estão mais próximos e são mais amados por nós — aqueles a quem nós confiamos nossa felicidade e nosso bom nome — podem tornar-se traidores desta confiança.

O dinheiro que um homem tem, pode perder. Foge dele, talvez quando ele mais precisa. A reputação de um homem pode ser sacrificada no momento de uma ação impensada. As pessoas que se apressam a se ajoelharem a nossos pés quando o sucesso está conosco, podem ser as primeiras a jogarem a pedra da malícia quando o fracasso paira sobre nossas cabeças.

O único amigo desinteressado que um homem pode ter neste mundo egoísta — aquele que nunca é ingrato ou traiçoeiro — é seu cão. Senhores jurados, o cão permanece com seu dono na prosperidade e na pobreza, na saúde e na doença. Ele dormirá no chão frio, onde os ventos invernais sopram e a neve se lança impetuosamente, se apenas o deixarem estar ao lado de seu dono.

Ele beijará a mão que não tem alimento a oferecer, ele lamberá as feridas e as dores que aparecem nos encontros com a violência do mundo. Ele guarda o sono de seu dono miserável como se este fosse um príncipe. Quando todos os amigos o abandonarem, ele permanecerá. Quando a riqueza desaparece e a reputação se despedaça, ele é constante em seu amor, como o sol em sua jornada através dos céus.

Se a fortuna arrasta o dono para o exílio, sem amigos e sem abrigo, o cão fiel não pede mais do que o privilégio de acompanhá-lo, a fim de protegê-lo contra o perigo, a fim de lutar contra seus inimigos.

E quando a cena final se apresenta e a morte leva o dono em seus braços e seu corpo é deixado no chão frio, não importa que todos os amigos sigam seu caminho; lá, ao lado de sua sepultura, se encontrará o nobre cão, a cabeça entre suas patas, os olhos tristes mas alertas, fiel e verdadeiro até à morte.

Esta página contém links de afiliados. Ao fazer uma compra por um desses links, o Guia dos Curiosos recebe uma comissão e você não paga nada a mais por isso.

Artigos Relacionados

Por que a abelha morre ao picar uma pessoa?

Por que a abelha morre ao picar uma pessoa?

As espécies nativas ou brasileiras, como jataí, mandaçaia e arapuá, não possuem ferrão e, portanto, não oferecem perigo. Já as européias, que posteriormente foram cruzadas com as africanas e hoje recebem o nome de "africanizadas", são muito perigosas! Algumas delas...

Roupinhas de “Round 6” para cães e gatos

Roupinhas de “Round 6” para cães e gatos

A loucura que tem sido o sucesso de "Round 6" ("Squid Game", no original), série sul-coreana exibida pela Netflix, chegou ao mundo pet. A Canis Club, marca de roupas para animais de estimação de Hong Kong, saiu na frente. Lançou as indumentárias verdes dos...

2 Comentários

2 Comentários

  1. Marcelo Ferreira

    Fantástico argumento desse notável advogado. Na verdade todo o ditado popular tem uma explicação, mas com 47 anos, essa história eu desconhecia. Parabéns pela pesquisa e postagem.

    Responder
  2. Geni Pereira Amoudo

    Linda e verdadeira defesa do mais fiel amigo constatação emocionante.

    Responder

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Share This