ONÇA-PINTADA

Todos os anos, 5 mil diferentes tipos de vida desaparecem para sempre.

Apenas no Brasil, 207 espécies correm risco de extinção, como a onça-pintada, o sagui, a ariranha, o jacaré-de-papo-amarelo, o tatu canastra e o lobo guará.

Segundo relatório da União Internacional para Conservação da Natureza, em 2004, um em cada três anfíbios, quase metade das tartarugas de água doce, uma em oito aves e um quarto dos mamíferos estavam ameaçados de sumirem do mundo.

Na maioria das vezes, as espécies ameaçadas estão situadas em locais densamente povoados. Os desaparecimentos são consequência da destruição dos habitats, da poluição e da introdução de espécies invasoras pelos homens.

O Brasil está entre as cinco nações que mais têm espécies em extinção. Austrália, China, Indonésia e México estão na lista.