Novo Livro O Guia dos Curiosos - Edição Fora de Série

Karaokê

24 de abril de 2019

1.O que me levou a inventar o karaokê foi a preguiça“. Com esta frase, o japonês Daisuke Inoue justificou a criação de uma das máquinas de diversão mais apreciadas no mundo.

2. Inoue ganhava a vida tocando em barzinhos na cidade de Kobe (Japão) na década de 1970.

3. Na época, os clientes dos locais onde se apresentava costumavam subir ao palco para fazer as vezes de cantores.

4. Isto exigia que o músico possuísse um enorme repertório, coisa que para Inoue era difícil já que ele não sabia ler partituras. Por isso, o músico começou a gravar a base de algumas canções em uma fita cassete.

5.
Em 1971, um dos cantores de bar que acompanhava quis lhe contratar para tocar em uma viagem de sua empresa.

6. Inoue não podia deixar na mão os clubes onde trabalhava e acabou inventando uma máquina semelhante a uma jukebox, com 8 bases de músicas gravadas, para quebrar o galho.

7. O karaokê, cujo nome significa “orquestra vazia”, logo se tornou um grande sucesso. Mas Inoue não aproveitou os louros da descoberta.

8. Ele não patenteou sua criação e acabou perdendo um mercado que gera 7,5 bilhões de dólares por ano só no Japão.

9. Mesmo assim, Inoue foi eleito em 1999 pela revista Times uma das 20 personalidades mais marcantes da Ásia no século 21.

10. Ironicamente, o japonês só experimentou um karaokê pela primeira vez 20 anos depois de tê-lo inventado.

Esta página contém links de afiliados. Ao fazer uma compra por um desses links, o Guia dos Curiosos recebe uma comissão e você não paga nada a mais por isso.

Artigos Relacionados

0 Comentários

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Share This