Novo Livro O Guia dos Curiosos - Edição Fora de Série

A história e o jingle da Groselha Vitaminada Milani

5 de agosto de 2020

A primeira referência à Groselha Milani, segundo o jornal “O Estado de S. Paulo”, é de 9 de setembro de 1955. O imigrante italiano Celeste Milani conheceu um químico alemão que lhe apresentou uma bebida de grande aceitação na Europa: o xarope. Os dois resolveram então elaborar um sabor que caísse nas graças dos brasileiros. Depois de vários testes, eles lançaram o “Xarope de Groselha Artificial Milani”.

Os irmãos Luís e Celeste Milani começaram produzindo vinho em tonéis na cidade de Pelotas (RS). Aí decidiram tentar a sorte em São Paulo. Luís morreu aos 52 anos, atropelado por uma motocicleta, em frente ao Cine Patriarca, uma sala de quase 2.000 lugares na Mooca. “Depois de alguns anos, minha avó vendeu a sua metade na sociedade para o cunhado”, conta Lauren Sipelli, neta de Luís.

Foto: Fred Cunha News

A groselha se tornou popular no Salão da Criança quando Milani começou a vender saquinhos cilíndricos com suco feito com a groselha diluído em água. A feira ocorria todo dia 12 de outubro no Pavilhão do Anhembi, em São Paulo (SP).

Esses saquinhos cilíndricos é que foram a inspiração das carinhas felizes que cantavam nos comerciais do produto na década de 1970.

A primeira fábrica da Milani ficava na Rua do Oratório, 2319, no bairro da Mooca, em São Paulo (SP). A indústria deu lugar a um prédio residencial, batizado de Edifício Milani. O portão do condomínio é o mesmo que era da fábrica.

Com o sucesso do xarope, a indústria lançou uma linha de sucos vendidos em garrafa pet.

No final de 2019,  a fábrica de sorvetes Los Los colocou no mercado um picolé sabor Groselha Milani.

Uma das marcas registradas do produto é o famoso jingle da Groselha Vitaminada Milani, criado por Edison Borges de Abranches, o Passarinho, também na década de 1970. A primeira versão foi cantada pelo jinglista Zelão. É ele quem faz o “iahuuuu” entre os versos. Uma curiosidade: sua voz é bastante grave; para que soasse fina e aguda, ela foi gravada em uma velocidade mais lenta e depois reproduzida em velocidade normal.

Mais uma curiosidade, que está no livro “Jingle é a Alma do Negócio”, do professor Fábio Barbosa Dias: na década de 1980, a letra sofreu duas alterações, feitas por autor desconhecido: “merenda” deu lugar a “escola” e, possivelmente por questões legais”, a palavra “vitaminada” foi substituída por “vitalizada”, que, em tese, não fazia sentido algum, mas mantinha a métrica do verso original.

Ouça agora a versão do jingle da Groselha Milani cantada pela banda Bek e os Tio de Fusca, especial para o “Você é Curioso?” (30/05/2020)

Esta página contém links de afiliados. Ao fazer uma compra por um desses links, o Guia dos Curiosos recebe uma comissão e você não paga nada a mais por isso.

Artigos Relacionados

Valisére: o último sutiã a gente também não esquece

Valisére: o último sutiã a gente também não esquece

Uma das campanhas publicitárias mais premiadas de todos os tempos foi "Meu Primeiro Sutiã", de 1987. A criação foi de Camila Franco e Rose Ferraz, com direção de Washington Olivetto. Ela fez tanto sucesso que teve desdobramentos nos anos seguintes. [yotuwp...

Loucuras do comercial da esponja de aço Q´Lustro

Loucuras do comercial da esponja de aço Q´Lustro

Em suas pesquisas, o professor Fábio Dias, autor do livro "Jingle é a alma do negócio" (Panda Books), encontrou um jingle da esponja de aço Q'Lustro do final da década de 1960. O comercial é curioso por ser totalmente desconectado com os cuidados que a publicidade...

A campanha dos Mamíferos da Parmalat

A campanha dos Mamíferos da Parmalat

Em 1996,  a agência DM9DDB recebeu o pedido para a criação de uma campanha para o leite Parmalat. O criativo Erh Ray lembrou de fotos de um livro do fotógrafo americano Tom Arma nas quais crianças foram clicadas vestindo fantasias de animais. Ray entrou em contrato...

1 Comentários

1 Comentário

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Share This