• Em 1659, um fazendeiro foi executado porque mantinha relações sexuais com uma porca. O animal também acabou sendo sacrificado para “apagar qualquer lembrança do ocorrido”.