DIA DO TANGOO Dia do Tango é comemorado em 11 de dezembro, em homenagem a Carlos Gardel, o maior cantor de tangos da história. Ele nasceu na França, no dia 11 de dezembro de 1890, e imigrou com sua mãe para a Argentina aos três anos de idade. Gardel ficou conhecido pela maneira sensual como interpretava o tango. Compôs vários tangos famosos, como “Mi Buenos Aires Querido”. Morreu em 24 de junho de 1935, num acidente de avião em Medellin, Colômbia. A data é comemorada na Argentina desde 1977.

Confira algumas curiosidades:

  1. O gênero musical tipicamente argentino nasceu por volta de 1877 na cidade de Buenos Aires . Os negros libertos após a abolição da escravatura, promulgada no país em 1813, moravam em sua maioria no bairro Montesserat, onde costumavam se reunir para tocar e dançar.
  2. Os locais em que aconteciam as festas eram chamados de “tangos”. Há várias versões para a origem do nome. Alguns acreditam que ela venha de “tambor”, amplamente usado nas músicas de inspiração africana.
  3. Outros afirmam que o termo é uma adaptação de Xangô, nome do deus da guerra na religião afro. Existe ainda um terceiro grupo que diz tratar-se de uma palavra de um dialeto cujo significado é “aproximar-se, tocar”.
  4. Independente da polêmica, as batidas fortes dos tambores africanos seduziram os argentinos descendentes de espanhóis. O ritmo, então, ganhou toques da música européia e assumiu a forma que tem hoje. A dança, por sua vez, foi considerada “luxuriante” e “indecente” durante muito tempo.
  5. Um dos tangos mais conhecidos é “Por Una Cabeza”, composto em 1935 pelo cantor Carlos Gardel. Em uma das cenas mais famosas do filme “Perfume de Mulher” (1992), o militar cego interpretado por Al Pacino dança essa música acompanhado da atriz Gabrielle Anwar.