A “medida” é uma fita que representa o comprimento de uma imagem de Santo. O tamanho padrão é de 63 centímetros.

A fita serve de amuleto e varia de acordo com o santo. A medida de santa Luzia, por exemplo, é usada para curar doenças dos olhos. A de são Roque, para curar feridas.

A fita do Senhor do Bonfim, que apareceu pela primeira vez em 1809, representa o comprimento da chaga do peito à chaga da mão esquerda do Senhor do Bonfim.

As medidas eram vendidas nas festas religiosas, por pessoas autorizadas, em benefício ao santo homenageado.

A maneira tradicional é usar a fita pendurada no pescoço. Amarrá-la no pulso com três nós foi invenção dos turistas.