1. Na novela “Roque Santeiro” (1984), Cláudia Raia foi uma das primeiras a interpretar prostitutas. Com seu cabelo bufante, ela viveu a personagem Ninon, uma dançarina carioca que vai para o interior trabalhar na boate Sexus. CLÁUDIA RAIA FEZ PAPEL DE PROSTITUTA EM NOVELA
  2. Ana Paula Arósio ficou marcada pela personagem Hilda Furacão, a protagonista da minissérie que levava seu nome, em 1998. A obra é baseada no livro homônimo de Roberto Drummond, que conta a história de Hilda Müller, uma moça de boa família de Minas Gerais da década de 1950 que decide largar tudo para se tornar uma das mais famosas prostitutas. ANA PAULA ARÓSIO FEZ PAPEL DE PROSTITUTA EM NOVELA
  3. Como era na novela das seis, Ester Delamare, personagem de Malu Mader em “Força de um Desejo” (1999), era uma prostituta discreta. Dois anos depois, no filme “Bellini e a Esfinge”, baseado no livro homônimo de seu marido, Tony Belloto, Malu voltou a interpretar uma garota de programa. Dessa vez ela encarnou Fátima. MALU MADER FEZ PAPEL DE PROSTITUTA EM NOVELA
  4. Em “Laços de Família” (2000), Giovanna Antonelli interpretou a universitária e garota de programa Capitu. Com o dinheiro, ela sustenta o filho de 1 ano e seus pais. Capitu foi inspirada em uma reportagem do jornalista Gilberto Dimenstein publicada no jornal “Folha de S. Paulo”, que falava do grande número de prostitutas em faculdades do Rio de Janeiro e de São Paulo. GIOVANNA ANTONELLI FEZ PAPEL DE PROSTITUTA EM NOVELA
  5. Em “Porto dos Milagres” (2001), Luiza Tomé deu vida à cafetina Rosa Palmeirão. A personagem fez tanto sucesso que um livreto de cordel, “ABC da Rosa”, foi criado pela produção da novela.LUIZA TOMÉ FEZ PAPEL DE PROSTITUTA EM NOVELA
  6. A francesa Justine, personagem vivida por Gabriela Duarte em “Esperança” (2002), só foi criada porque o autor, Benedito Ruy Barbosa, se afastou da novela por problemas de saúde, a partir do capítulo 149. Walcyr Carrasco, que o substituiu, quis criar mais personagens na trama — entre eles a prostituta. GABRIELA DUARTE
  7. Para discutir o problema do tráfico de mulheres, em “Belíssima” (2005), a atriz Maria Flor viveu a personagem Taís Junqueira, que aceita um convite para virar bailarina na Grécia, mas acaba sendo obrigada a trabalhar como prostituta.MARIA FLOR 
FEZ PAPEL DE PROSTITUTA EM NOVELA
  8. A interpretação de Francisbel dos Santos, a Bebel, feita por Camila Pitanga, fez com que a garota de programa caísse no gosto do público. Ela foi uma das personagens mais populares de “Paraíso Tropical” (2007). CAMILA PITANGA
  9. Deborah Secco é uma das recordistas em interpretar prostitutas. Na novela “Paraíso Tropical”, a atriz fez uma participação especial como Betina, uma garota de programa do Rio de Janeiro. Já em “A Favorita” (2008), ela foi Maria do Céu, uma retirante nordestina que se torna prostituta no Rio de Janeiro. Um ano depois, a atriz foi convidada a interpretar Raquel Pacheco, mais conhecida como “Bruna Surfistinha”, ex-garota de programa que ficou famosa após relatar suas experiências no livro “O Doce Veneno do Escorpião”.FEZ PAPEL DE PROSTITUTA
  10. No filme “Os Normais 2” (2009), a atriz Alinne Moraes interpreta uma garota de programa que droga os noivos Rui (Luiz Fernando Guimarães) e Vani (Fernanda Torres) e rouba todos os móveis da casa deles.ALINE MORAES FEZ PAPEL DE PROSTITUTA

Leia também: Atrizes famosas que fizeram o papel de prostitutas