Novo Livro O Guia dos Curiosos - Edição Fora de Série

Como cometer um suicídio seguro na Web 2.0

20 de janeiro de 2010

Desde que as várias redes sociais — como Orkut, Facebook e Twitter — passaram a fazer parte do nosso cotidiano, tem sido cada vez mais difícil sumir de vez da internet.
No Twitter, por exemplo, mesmo que você exclua sua conta, todas as mensagens postadas continuam armazenadas em bancos de dados, bem como as referências feitas a você por outras pessoas. Assim, com uma rápida pesquisa no Google, é possível encontrar tudo o foi escrito por você ou dito sobre você.

 

iG Colunistas – Blog do Curioso, por Marcelo Duarte - » Como ...

da Web 2.0

É para terminar com isso que foi criada a Máquina de Suicídio da Web 2.0 (SuicideMachine.org). Trata-se de um site capaz de excluir totalmente suas contas no Twitter, Facebook, LinkedIn e MySpace. No serviço de microblogging, ele deleta não apenas seus tweetts, um por um, como também retira todos os amigos de sua lista. De acordo com o site, o trabalho que demoraria 9 horas e 35 minutos para ser feito manualmente, leva apenas 52 minutos para o SuicideMachine fazer.
Na página principal, para encorajar aqueles que ainda não estão certos do suicídio virtual, há várias frases de incentivo como “Melhore seus relacionamentos!” e “Diga adeus com dignidade!”. Ainda é possível ver fotos das últimas pessoas que apertaram o botão vermelho de “suicídio”, além de ler suas últimas palavras — que frequentemente são “ciao”, “bye” e coisas do gênero.
Enquanto você não decide se sai ou não do Twitter, pode me seguir em duas contas: @mdcurioso e @guiadoscuriosos.

Web Stories

Esta página contém links de afiliados. Ao fazer uma compra por um desses links, o Guia dos Curiosos recebe uma comissão e você não paga nada a mais por isso.

Artigos Relacionados

Quantos habitantes somos na Terra neste exato momento?

Quantos habitantes somos na Terra neste exato momento?

Contar em tempo real a variação da população terrestre parece ser tarefa impossível. Será mesmo? O site do Population Reference Bureau (PRB), órgão sem fins lucrativos da cidade de Washington (Estados Unidos), traz em sua página inicial um relógio cujo objetivo é...

0 Comentários

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Share This
Os 100 anos dos ursinhos da Haribo Qual é a origem do Creme Nivea? Você conhece o axolote, o “monstro aquático”? As pioneiras da ficção Científica