Tradicional parada e os balões do Dia de Ação de Graças da Macy’sA tradicional parada de Dia de Ação de Graças da loja de departamentos Macy’s, em Nova York, começou em 1924. Foi originalmente chamada de “Desfile de Natal”, embora acontecesse cerca de um mês antes, no Dia de Ação de Graças.

O primeiro desfile incluiu ursos, camelos, macacos e elefantes do Zoológico do Central Park.

A parada se encerra sempre com balões gigantes. De 1928 a 1932, os condutores de balões os soltavam e eles se perdiam no céu, em vez de esvaziá-los.

A Macy’s é a segunda maior consumidora de gás hélio do país, perdendo apenas para o governo dos Estados Unidos.

Cada balão tem seu próprio “piloto”, que deve ser capaz de percorrer toda a rota de 4 quilômetros de costas.

Durante a Segunda Guerra Mundial, depois de usados, os balões gigantes foram doados ao exército americano como sucata de borracha.

As cenas da parada do clássico filme “Milagre da Rua 34” foram feitas em 1946.

Nos anos mais recentes, a produção do evento contou com 230 costureiros e 100 maquiadores para preparar 4.000 voluntários.

Em 2020, por causa da pandemia do coronavírus, partes da produção foram pré-gravadas para o evento da televisão. O percurso também ficou mais curto. Os famosos balões estavam presos a veículos, em vez de manipuladores.

Leia também:
10 curiosidades sobre o Dia de Ação de Graças
A tradição de “perdoar o peru” antes da cerimônia do Dia de Ação de Graças