Os 50 anos do

"Manual do Escoteiro Mirim" no Brasil

lançou no Brasil o primeiro "Manual do Escoteiro Mirim" em julho de 1971.  A edição de capa dura,  com 13cm x 19,5cm, tinha  um total de 264 páginas.

A Editora Abril

Moldura de canto branca

original - "Manuale delle  Giovani Marmotte" - tinha sido publicada na Itália  pela Editora Mondadori em  outubro de 1969. A Mondadori  produziu oito volumes  entre 1969 e 1989.

A edição

teve alguns conteúdos adaptados para a realidade nacional, como distâncias rodoviárias entre as capitais do Brasil, os ventos brasileiros, pequeno vocabulário tupi-português e peixes  do litoral brasileiro.

A edição brasileira

Moldura de canto branca

teve uma segunda impressão já em dezembro de 1971. Algumas páginas que saíram em preto e branco meses antes ganharam cores. A terceira impressão, em dezembro de 1978, foi feita com 72 páginas a menos, capa flexível e em formato menor.

Moldura de canto branca

O manual

foram criados pelo ilustrador americano Carl Barks (1901-2000) em 1951 na história "Operação  São Bernardo". O nome em inglês do grupo é Junior Woodchucks. Huguinho, Zezinho e Luizinho, sobrinhos do Pato Donald, fazem parte da trupe.

Os Escoteiros Mirins

Moldura de canto branca

em tudo o Movimento Escoteiro, os personagens  de Barks não têm relação  com a organização criada por  Robert Baden-Powell em 1907.

Embora lembrem

Moldura de canto branca

apareceu pela primeira vez em 1954 na história "O Segredo da Atlântida", publicada na revista  "Uncle Scrooge" número 5"  [Tio Patinhas]. Chamava-se  "Livro do Conhecimento  dos Escoteiros Mirins". 

O manual

Moldura de canto branca

de Carl Barks, o manual teve como inspiração o "Boy Scout Handbook", anuário publicado pela organização Boy Scouts da América desde junho de 1911.

Também criação

Moldura de canto branca

do "Manual do Escoteiro Mirim" não trouxe os nomes da equipe que o produziu. A capa é creditada pelos especialistas do Universo Disney ao artista Jorge Kato.

A edição brasileira

Moldura de canto branca

de um "2º Manual do Escoteiro Mirim" em setembro de 1976. Depois o "Super Manual do Escoteiro Mirim" em 1979.

Houve o lançamento

Moldura de canto branca

Nova Cultural e Círculo do Livro lançaram também em 1985 a "Biblioteca do Escoteiro Mirim", uma coleção com 20 volumes,  cada um com 128 páginas.

As editoras

Moldura de canto branca

abriu uma série de 14 manuais lançados pela editora entre 1971  e 1982. Os outros foram: Tio Patinhas, Professor Pardal. Mickey, Maga & Min, Peninha,  Zé Carioca, Gastão, Magirama, 2º Manual do Escoteiro Mirim, Autorama, Vovó Donalda,  Jogos Olímpicos e Televisão. 

O "Manual do Escoteiro Mirim"

Moldura de canto branca

do "Manual do Zé Carioca" recebeu o nome de "Manual da Copa do Mundo".

Uma das atualizações

Moldura de canto branca

a mesma Editora Abril relançou fac-símiles de seus manuais, começando com o "Manual do Escoteiro Mirim". A reprodução foi fiel, ignorando até mesmo  a reforma ortográfica que já  estava em vigência.

Em 2016,

Moldura de canto branca
Mapa do terreno
Círculo traçado

Conheça nosso canal 

Pincelada grossa
Pincelada grossa
Pincelada grossa

no YouTube