O sultão marroquino Moulay Ismail, que reinou entre 1672 e 1727, teve 500 esposas, 548 filhos e 340 filhas.

Ele ordenou que os palácios em Fez e Marrakech fossem destruídos para que nehuma cidade fosse mais bonita que Meknés, escolhida por ele para sua capital. O Aquedal, imenso reservatório de água, foi construído apenas para regar os jardins reais e divertir suas 500 esposas.

Por essas realizações, ele é cultuado na cidade como seu rei eterno. Mulheres muçulmanas passam o dia rezando no mausoléu onde estão as cinzas dele.