Inglaterra

24 de abril de 2019

  • Ambientalistas encontraram no rio Tamisa, em Londres, uma piranha de barriga vermelha, animal típico do Amazonas. O peixe não resistiu às baixas temperaturas e foi encontrado morto. Ninguém soube afirmar como ele chegou até a região.
     
  • Segundo o tablóide “The Sun”, o inglês Basil Matthews teve sua dentadura roubada por uma gaivota depois de deixá-la secando na beirada de uma janela do hotel Chatsworth House, no País de Gales. O senhor teve que passar os últimos dias de sua viagem comendo alimentos como sopa e sorvete e de boca fechada para não assustar os outros hóspedes.
     
  • Em junho de 2001, na Inglaterra, um lagarto chamado Peapod foi comer um gafanhoto e ficou engasgado. Seu dono, assustado, levou o réptil para uma loja de animais. O dono da loja tirou o inseto da garganta do lagarto e lhe fez massagem cardíaca, mas como isso não funcionou, fez respiração boca-a-boca e salvou o bichinho.
     
  • O cachorro Bertie, da raça Pointer, ficou sozinho em casa algumas vezes. Isso fez com que ele adquirisse um hábito ruim para sua saúde, comer bolas de golfe. Assim que Ben Jewell, 12, presenciou o mascote comendo uma bola, o levou para o veterinário. Qual não foi a surpresa quando um raio-x revelou que outras oito bolas de golfe estavam no estômago do bicho. E também uma bala de arma. Cada bola pesa aproximadamente 45 gramas, nove bolas, portanto, pesam 405 gramas.

Artigos Relacionados

Inglaterra

Inglaterra

A cientista inglesa Brooke Magnanti confessou ser a prostituta Belle de Jour, que escreveu textos para um blog e para um livro. Brooke teve que se prostituir para financiar seu doutorado na Universidade de Bristol, onde se tornou especialista em câncer infantil....

Inglaterra

Inglaterra

Em maio de 2001, a inglesa Lynn Howarth estava processando o hipnotizador Philip Green. Lynn tentou suicídio depois que ele a fez lembrar de abusos sexuais que ela sofrera quando criança. Green foi contratado para uma apresentação...

0 Comentários

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *