Wanderley Luxemburgo

24 de abril de 2019

 

  • O técnico nasceu em Tinguá, no Rio de Janeiro (RJ).
  • Foi jogador de futebol (lateral-esquerdo) entre 1971 e 1982. Atuou em clubes como o Botafogo e o Flamengo.
  • É formado em administração.
  • Em 1983, assumiu seu primeiro emprego como técnico: o comando do Campo Grande, do Rio de Janeiro.
  • Coleciona gravatas e possui cerca de 40 pares de sapatos.
  • É fã de livros de neurolingüística.
  • Todas as vezes que se hospeda no Park Hotel Atibaia, onde costuma ir para relaxar, fica no quarto 171.
  • Em maio de 1996, Luxemburgo, então técnico do Palmeiras, foi acusado de assédio sexual. A vítima teria sido a manicure Cláudia Laudineide Machado, chamada para atendê-lo no Hotel Vila Rica, em Campinas (SP), onde o time estava hospedado. Como Luxemburgo negou a acusação e Cláudia não conseguiu provar o ocorrido, o caso foi arquivado.
  • Foi o 36º técnico da Seleção Brasileira. Luxemburgo comandou o time de 1998 a 2000, por 52 partidas.
  • Em agosto de 2000, sua secretária, Renata Moura Alves, o acusou de crime de sonegação fiscal. Ela disse que Luxemburgo desviava dinheiro para uma conta nas ilhas Cayman. Também afirmou que o treinador estava envolvido em um esquema de venda ilegal de jogadores. Apesar da polêmica, não houve provas que confirmassem as acusações.
  • Poucos meses depois, o técnico foi novamente acusado. Ele usou um documento com informação falsa para expedir o seu CPF (Cadastro de Pessoa Física) e quatro passaportes. Segunda a Polícia Federal, a certidão de batismo indica que Luxemburgo nasceu em 10 de maio de 1952, não em 1954, data que consta em sua identidade. Luxa assumiu a culpa e teve que mudar seus documentos.
  • Com a conquista do Campeonato Brasileiro de 2004 pelo Santos, Luxemburgo se tornou o técnico mais vencedor da história da competição, com cinco vitórias.
  • Em 30 de dezembro de 2004, o treinador assumiu o comando do time espanhol Real Madrid. Ele foi o primeiro brasileiro e o sexto latino-americano a conquistar a dirigir o clube. Ele ficou no clube até 4 de dezembro de 2005.

 

Artigos Relacionados

0 Comentários

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Share This