Novo Livro O Guia dos Curiosos - Edição Fora de Série

Mário Jorge Lobo Zagallo

24 de abril de 2019

 

 

  • Mário Jorge Lobo Zagallo nasceu em 9 de agosto de 1931 em Maceió, no estado do Alagoas.
  • Atuou como ponta-esquerda. Inteligente, e de grande senso tático, notabilizou-se sobretudo por criar um novo estilo: ponta que recuava para ajudar o meio-campo.
  • Em 1950, Zagallo foi convocado pelo Exército. Como soldado da Polícia do Exército, fez o policiamento do Maracanã na final da Copa do Brasil, disputada entre a Seleção Brasileira e a uruguaia. O Uruguai derrotou o Brasil por 2 a 1 e levou o título de campeão mundial.
  • Jogou 34 vezes pela Seleção, sagrando-se bicampeão mundial em 1958 e 1962.
  • Como treinador, disputou as Copas de 1970, 1974 e 1998. Em 1994, foi auxiliar-técnico da Seleção tetracampeã, dirigida por Carlos Alberto Parreira.
  • Foi o primeiro jogador campeão do mundo a ganhar um título mundial com técnico, façanha que o alemão Franz Beckenbauer realizaria em 1990.
  • Em 3 de maio de 2005, Zagallo foi internado com uma infecção gástrica. Precisou realizar uma operação de desobstrução do duodeno. Ficou no hospital por 39 dias.
  • Em julho de 2009, o ex-técnico da Seleção ganhou na Justiça uma ação contra o jogador Romário e embolsou R$ 635.607, 32. O processo foi motivado por uma polêmica caricatura de Zagallo presente na porta do banheiro de uma casa noturna pertencente ao jogador. No desenho, Zagallo aparecia sentado em um vaso sanitário. A relação entre Zagallo e Romário azedou em 1998, quando o jogador foi cortado da Seleção às vésperas da Copa do Mundo.

    Livro reúne 1.900 camisas dos 12 maiores times de futebol do Brasil

 

Esta página contém links de afiliados. Ao fazer uma compra por um desses links, o Guia dos Curiosos recebe uma comissão e você não paga nada a mais por isso.

Artigos Relacionados

Uma seleção de curiosidades sobre o Rei Pelé

Uma seleção de curiosidades sobre o Rei Pelé

Os Correios lançaram o selo em homenagem ao milésimo gol de Pelé em 28 de novembro de 1969 – apenas nove dias após o feito. No ano seguinte, Pelé aparece também no selo que saúda o tricampeonato mundial, conquistado no México. O fotógrafo Ronaldo Kotscho, de Placar,...

0 Comentários

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Share This