Novo Livro O Guia dos Curiosos - Edição Fora de Série

10 curiosidades sobre os árbitros da Copa

24 de abril de 2019

 

1. O brasileiro Arnaldo César Coelho foi o primeiro árbitro não europeu a apitar uma final de Copa, em 1982, na Espanha. Quatro anos depois, Romualdo Arppi Filho repetiria a dose. Ele deu cartão amarelo para o argentino Diego Maradona.

2. Na Copa de 1990, José Roberto Wright apitou quatro vezes e igualou o recorde de 1958 do francês Maurice Fredéric Guingue.

3. Durante a Copa da França, em 1998, cada juiz recebeu um salário de 25 mil dólares e teve hotel e passagens pagos.

4. Na Copa da Alemanha, em 2006, a Fifa pagou 40 mil dólares para cada juiz. Os gastos totais com arbitragem foram de 13 milhões de dólares, incluindo remuneração, hospedagem e passagens.

5. Na Copa de 2010, marcada por muitos erros de arbitragem, dois juízes foram afastados do Mundial: O uruguaio Jorge Larrionda, que não validou um gol da Inglaterra na partida em que a Alemanha venceu por 4 x 1, e o italiano Roberto Rosetti, que não marcou impedimento argentino no primeiro gol do jogo em que o México foi derrotado por 3 x 1. A Fifa pediu desculpas oficiais pelos erros.

6. O primeiro cartão que o árbitro mexicano Felipe Ramos Rizo sacou do bolso na partida entre Brasil e Inglaterra pelas quartas-de-final da Copa 2002 foi um vermelho, para expulsar Ronaldinho Gaúcho. Depois do gol que garantiu a vitória canarinha, o brasileiro deu uma entrada mais dura sobre o inglês Mils.

7. Aos 28 minutos do segundo tempo do jogo em que a Holanda eliminou o Brasil da Copa de 2010, com placar de 2 x 1, o árbitro japonês Yuichi Nishimura deu cartão vermelho ao brasileiro Felipe Melo. O volante pisou no jogador adversário Arjen Robben após levar um drible.

8. A Fifa tem sete árbitros em cada país filiado. Todos são aposentados aos 50 anos.

9. O mexicano Edgardo Codesal Mendez protagonizou uma polêmica final de Copa do Mundo, em 2010. O jogo entre Argentina e Alemanha Ocidental foi o primeiro a ter uma expulsão. O argentino Pedro Monzon deixou o campo aos 20 minutos do segundo tempo e, pouco depois, aos 42 minutos, seu companheiro de equipe Dezotti também recebeu cartão vermelho. A Alemanha saiu vitoriosa, sagrando-se tricampeã mundial. O gol do título, no entanto, é protagonista de mais uma polêmica envolvendo o árbitro mexicano. Foi fruto de um pênalti duvidoso, apitado aos 40 minutos do segundo tempo. Em 2006, o lateral-esquerdo alemão Andreas Brehme, que marcou o gol, reconheceu o erro do juiz.

10. Já o primeiro juiz a expulsar um goleiro numa partida de Copa do Mundo foi o inglês Hellmut Krug, no jogo entre Itália e Noruega pela primeira fase da Copa de 1994. O italiano Gianluca Pagliuca tomou o cartão vermelho aos 21 minutos do primeiro tempo, depois de tocar a bola com a mão fora da área.

 

Esta página contém links de afiliados. Ao fazer uma compra por um desses links, o Guia dos Curiosos recebe uma comissão e você não paga nada a mais por isso.

Artigos Relacionados

0 Comentários

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Share This