Novo Livro O Guia dos Curiosos - Edição Fora de Série

20 curiosidades sobre a Chapecoense

24 de abril de 2019

1. A Chapecoense nasceu da fusão de dois times amadores de Chapecó em 1973. O objetivo era fundar o primeiro clube profissional na cidade.

2. O clube tem as cores verde e branca porque seu fundador, Alvadir Pelisser, torcia pelos alviverdes Coritiba, Palmeiras e Juventude.

3. Já em 1977 a Chapecoense conquistou seu primeiro título no Campeonato Catarinense.

4. Na véspera da final do Campeonato Catarinense de 1996, a torcida da Chapecoense perturbou tanto o sono dos jogadores do Joinville, que a diretoria do clube voltou para casa e se recusou a entrar em campo, fazendo o final do campeonato ir parar nos tribunais. O jogo foi remarcado e a Chape foi campeã estadual pela segunda vez.

5. A Chapecoense foi o primeiro time a trilhar o caminho da Série D para a Série A do Campeonato Brasileiro. Em 2009 o clube disputava a quarta divisão; em 2014, já estava na Série A.

6. Desde que chegou à Série A, a Chapecoense nunca foi rebaixada. Por isso, a equipe pode se considerar como parte do seleto grupo de times que nunca caíram para a Série B ao lado de São Paulo, Cruzeiro, Santos e Flamengo.

7. Desconsiderando seleções nacionais, a Chape é o único time a ter feito mais de um jogo na Arena Corinthians, em São Paulo, sem jamais ter sido derrotada: foram três partidas e três empates em 1 x 1 com o dono do estádio.

8. Além disso, a Chapecoense jamais perdeu para o São Paulo jogando na cidade de São Paulo: foram três empates e uma vitória.

9. Outro grande time que tem pesadelos com a Chapecoense é o Fluminense: foram oito jogos com seis vitórias da Chape e apenas dois empates.

10. A ascensão da Chapecoense tem como marca essa sequência de feitos contra times tradicionais. Em 2014 e 2015, por exemplo, foram duas grandes goleadas: 5 x 0 sobre o Internacional e 5 x 1 sobre o Palmeiras.

11. A Chapecoense foi o primeiro time de Santa Catarina a disputar uma final continental: justamente quando viajava para a Colômbia para disputar a primeira partida da final da Copa Sul-Americana, a equipe sofreu um acidente aéreo que dizimou praticamente todo o seu elenco além de membros da diretoria e da imprensa. O Atlético Nacional, adversário na decisão, abriu mão do título.

12. A tragédia envolvendo a Chapecoense comoveu o mundo todo. Em 2017 a Chape fez amistosos com grandes times do futebol mundial como o Barcelona e a Roma. O objetivo foi homenagear os que perderam a vida na tragédia e também ajudar o clube em seu processo de reconstrução.

13. Como campeã da Sul-Americana, a Chapecoense se tornou em 2017 a segunda equipe catarinense a disputar a Libertadores, igualando o feito do Criciúma em 1992.

14. Com a classificação para a Libertadores de 2018, a Chapecoense se tornou a primeira equipe catarinense a disputar duas edições do torneio.

15. Ao longo desses últimos anos a Chapecoense tem mantido uma média de público na casa dos 10 mil torcedores. Isso representa cerca de 5% da população da cidade de Chapecó.

16. A ligação do clube com a cidade é realmente muito forte. O mascote é uma prova disso: o índio Condá é conhecido em Chapecó como um cacique valente que lutou pela conquista do território da cidade.

17. A própria ascensão meteórica do clube tem relação com a ajuda dos empresários da cidade, que faz parte de uma região economicamente forte, especialmente pela presença de grandes frigoríficos.

18. Nem tudo foi fácil, no entanto. Entre 2003 e 2006 o clube viveu uma situação financeira terrível que quase lhe obrigou a fechar as portas. A partir de 2007 iniciou-se um trabalho de reconstrução que projetou o time nacionalmente.

19. A exemplo de outros dois grandes times da região sul – o Atlético Paranaense e o Figueirense – a Chapecoense também recebe o apelido de “Furacão”.

20. A história internacional da Chapecoense já reserva um capítulo especial para grandes disputas por pênaltis. Foram três classificações na marca da cal na Copa Sul-Americana, sempre em casa: contra o Libertad (Paraguai) em 2015, contra o Independiente (Argentina) em 2016 e contra o Defensa y Justicia (Argentina) em 2017. 

Esta página contém links de afiliados. Ao fazer uma compra por um desses links, o Guia dos Curiosos recebe uma comissão e você não paga nada a mais por isso.

Artigos Relacionados

0 Comentários

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Share This