Novo Livro O Guia dos Curiosos - Edição Fora de Série

Felipe Massa

24 de abril de 2019

 

  • Felipe Massa nasceu em São Paulo, no dia 25 de abril de 1981.
  •  Começou a andar de kart aos 8 anos. Em 1998, ele foi para a Fórmula Chevrolet; em 2000, se transferiu para a Fórmula Renault; e, em 2001, correu na Fórmula 3 e na Fórmula 3000.
  •  Chegou à Fórmula 1 em 2002, pilotando um carro da escuderia da Sauber. Em 2006, trocou de equipe. Foi para a Ferrari e, logo no seu ano de estréia, conquistou sua primeira vitória, no GP da Turquia, no dia 27 de agosto. Nas temporadas de 2006 e 2007, conquistaria um total de 5 vitórias.
  •  Felipe se casou com a empresária paulista Anna Raffaela Bassi, herdeira da grife Guaraná Brasil, no dia 30 de novembro de 2007. Eles se conheceram no Guarujá. A primeira impressão dela? “Massa não passava de um pivete, baixinho e folgado”, declarou.
  •  Seu endereço no Brasil fica no bairro do Morumbi. O apartamento com 628 metros quadrados custou 7 milhões de reais. Ele tem também uma casa em Mônaco.
  •  O primeiro carro de Felipe Massa foi um Pálio 1.0. Seu pai deu o presente antes de o piloto completar 18 anos. Por isso, Massa teve que esperar algum tempo antes de curtir o presente. Em 2007, Massa tinha na garagem duas Maserati e uma Ferrari.
  •  Quando era criança, nas férias passadas em Botucatu (SP), ficava sempre tentando dirigir. Duas de suas investidas deram certo: convenceu o carteiro a dirigir sua moto – mas queimou a perna no escapamento – e guiou a charrete do leiteiro.
  •  Ainda na infância, quando a família se reunia, Massa logo tomava seu posto no portão. Esperava todos os convidados chegarem para estacionar os carros. Para garantir que também os tiraria da garagem, deixava-os bem próximos um do outro para que ninguém conseguisse entrar nos carros.
  • Massa não costumava ser um exemplo na escola. Ele repetiu a 1ª e a 2ª séries.
  • José Massa, bisavô do piloto, fundou a maior fábrica de carrocerias de ônibus do país, a Caio. Hoje, a empresa não é mais da família, que tem uma fábrica de produtos plásticos.
  • Para manter o condicionamento físico, Massa corre, a pé, 10 quilômetros por dia, além de ir à academia. Massa também utiliza um simulador de direção. O aparelho foi desenvolvido em parceria com a Ferrari e exige do piloto força nos braços similar à exigida durante uma corrida real.
  • Massa não tira do pescoço uma corrente com seus amuletos: um escapulário dado pela mulher, a miniatura dos circuitos onde venceu e um capacete em ouro branco. Ainda para dar sorte, quando vai bem nos treinos, Massa repete a cueca por todo o fim de semana. Coincidência ou não, em suas duas primeiras vitórias, na Turquia e no Brasil, Felipe estava com a mesma cueca branca.
  • Em sete anos, a vida de Felipe e de sua família mudou completamente. Quando ele foi correr na Europa, em 2000, seus pais tiveram que vender um carro para arcar com os custos. Em 2007, no entanto, Massa ganhava cerca de 8 milhões de dólares por ano. E olha que esse não é um dos maiores salários. Na época, Kimi Raikkonen ganhava 25 milhões de dólares por ano.
  • Em 30 de novembro de 2009, Felipe Massa se tornou pai pela primeira vez. Nasceu Felipe, filho do piloto com sua esposa, Anna Raffaela Bassi.

 

Esta página contém links de afiliados. Ao fazer uma compra por um desses links, o Guia dos Curiosos recebe uma comissão e você não paga nada a mais por isso.

Artigos Relacionados

0 Comentários

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Share This