Novo Livro O Guia dos Curiosos - Edição Fora de Série

O Dia dos Mortos no México e Finados pelo mundo

24 de abril de 2019

Países de origem hispânica não têm o costume de comemorar Halloween, e sim o Dia dos Mortos. Foi a forma que a Igreja Católica encontrou para desvincular essa comemoração de origem pagã. No Oriente também, mas a tradição é ligada às crenças populares de cada país.

México
No dia 1º comemora-se o Dia dos Anjinhos, ou Dia dos Santos Inocentes, quando as crianças mortas antes do batismo são relembradas.

O Dia dos Mortos (El Dia de los Muertos), 2 de novembro, é uma grande comemoração no México. As pessoas oferecem ao mortos o que eles mais gostavam: pratos, bebidas, arranjos de flores. Na véspera de Finados, família e amigos enfeitam os túmulos dos cemitérios. O local transforma-se numa alegoria, decorado e iluminado com velas.

Lá as pessoas comem, bebem e conversam, esperando a chegada dos mortos na madrugada.
Uma tradição bem popular são as caveiras doces, feitas com chocolate, marzipã e açúcar. São vendidas em todos os locais, assim como as flores de “cempasúchil”, considerada a flor do morto. Ela o ajuda a encontrar seu caminho.

Espanha
Como no Brasil, comemora-se o Dia de Todos os Santos em 1º de novembro e Finados no dia seguinte. As pessoas usam as datas para relembrar os mortos, decorando túmulos e lápides de pessoas que já faleceram.

Tailândia
Nesse país, existe o festival Phi Ta Khon, celebrado com música e desfiles de máscaras acompanhados pela imagem de Buda. Segundo a lenda, fantasmas e espíritos andam entre os homens. A comemoração acontece no primeiro dia das festas budistas.

 

Web Stories

Esta página contém links de afiliados. Ao fazer uma compra por um desses links, o Guia dos Curiosos recebe uma comissão e você não paga nada a mais por isso.

Artigos Relacionados

A trégua de Natal na Primeira Guerra Mundial

A trégua de Natal na Primeira Guerra Mundial

A Primeira Guerra Mundial, de 28 de julho de 1914 a 11 de novembro de 1918,  foi o primeiro conflito que se estendeu por todo o planeta – até o Brasil participou. Quando ela acabou, quatro impérios tinham sumido: o turco, o austro-húngaro, o russo e o alemão. Foi um...

Cestas de Natal Amaral e o início da publicidade natalina

Cestas de Natal Amaral e o início da publicidade natalina

Nos primeiros anos de vida, as emissoras de televisão mantinham praticamente a programação normal mesmo no dia de Natal. Dá para perceber isso na grade horária do dia de Natal de 1957 na revista especializada "7 Dias na TV". Naquele ano, o Natal caiu numa quarta-feira...

0 Comentários

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Share This
Os 100 anos dos ursinhos da Haribo Qual é a origem do Creme Nivea? Você conhece o axolote, o “monstro aquático”? As pioneiras da ficção Científica