Novo Livro O Guia dos Curiosos - Edição Fora de Série

Origem do hinduísmo e bramanismo

11 de agosto de 2020

Os hindus descendem dos antigos povos arianos do Cáucaso, que se instalaram principalmente no vale do rio Ganges (Índia) no segundo milênio antes de Cristo. Suas tradições e crenças começaram a ser registradas a partir de 1.500 a.C. em livros de Vedas, palavra em sânscrito que significa saber. As obras reúnem as verdades eternas reveladas pelos deuses. Entre elas está explicações sobre a organização dos seres e das coisas, divididos em castas (grupos sociais com deveres e direitos espirituais).

O hinduísmo concilia o monoteísmo e o politeísmo. Ou seja, acredita em uma força única criadora do universo que deriva da coexistência de diversos princípios, adorados como deuses. Isto dá margem a uma pluralidade de cultos. A forma mais popular crê em uma tríade composta por Brahma (o princípio criador), Vishnu (o princípio conservador) e Shiva (o princípio destruidor). Os cultos de Shiva e Vishnu são difundidos no Mahabharata e no Ramayana, textos épicos escritos por volta do século 6 a.C.

Religiões tradicionais da Índia. São as mais antigas do mundo, com cerca de 3 mil anos. O hinduísmo foi adotado pelas classes populares e, a exemplo do budismo, acredita na reencarnação. Suas tradições e crenças começaram a ser registradas a partir de 1.500 a.C. em livros de Vedas, palavra em sânscrito que significa saber. As obras reúnem as verdades eternas reveladas pelos deuses. Entre elas estão explicações sobre a organização dos seres e das coisas, divididos em castas (grupos sociais com deveres e direitos espirituais).

O bramanismo é uma forma mais requintada do hinduísmo. Trata-se da religião dos sacerdotes e das elites que, para se conservar no poder, se dizem mais virtuosos. Reconhecem a existência de um número enorme de deuses (politeísta), apesar de admitir Brama como deus supremo.

Ganges é o rio sagrado, onde milhares de peregrinos se banham.

A vaca é um animal sagrado no bramanismo. Em algumas cidades da Índia, é tão grande o respeito por esse animal que, se uma vaca se deita na rua, o trânsito é desviado. Ninguém comete o sacrilégio de tirar a vaca de seu repouso. Na religião, Aurora, uma das deusas, mãe de todas as criaturas, é representada por uma vaca. A seita Hare Krishna, fundada em 1486, na Índia, teve a influência do hinduísmo.

Esta página contém links de afiliados. Ao fazer uma compra por um desses links, o Guia dos Curiosos recebe uma comissão e você não paga nada a mais por isso.

Artigos Relacionados

  A vida Hindu é repleta de simbolismos, por isso existem festas e rezas para praticamente todas as situações possíveis. São cerca de 400 festejos, que podem variar de acordo com a região e a divindade celebrada. Conheça algumas das principais comemorações. Shiva...

Reencarnação

Reencarnação

  Para os adeptos desta religião, o indivíduo renasce constatemente de acordo com seu kharma, o saldo de ações negativas e positivas de sua existência atual e das anteriores. "Se a pessoa resolver suas pendências em uma encarnação, terá uma vida melhor na...

Carnaval no Brasil

Carnaval no Brasil

  O Carnaval brasileiro é descendente do "entrudo" português. O dicionário diz que entrudar significa molhar com água, empoar de goma ou talcos, fazer peça. E a farra era esta mesmo. No século 17, os foliões se armavam de baldes e latas cheias de água. E todos...

0 Comentários

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Share This