Novo Livro O Guia dos Curiosos - Edição Fora de Série

Nomes que fizeram a história da computação

11 de julho de 2013

No último dia 2 de julho, morreu Douglas Engelbart, aos 88 anos, vítima de uma insuficiência renal. Poucos reconhecem o nome desse engenheiro, que deveria soar como Bill Gates, Steve Jobs e Mark Zuckerberg aos ouvidos dos conectados. Engelbart é o inventor do mouse para computadores.

Usado para movimentar o cursor na tela, selecionar texto, desenhar e escolher comandos no menu, o mouse foi criado no início da década de 1960 no Instituto de Pesquisa de Stanford, nos Estados Unidos. A invenção de Douglas Engelbart foi batizada de “Indicador de Posição XY”, mas, como o nome era difícil de ser memorizado e o equipamento se parecia com um ratinho, não demorou muito para ganhar o apelido de mouse (rato em inglês).

Engelbart tem a patente de vários sistemas de acesso de informação (contribuiu para o desenvolvimento da conexão de computadores em rede, da videoconferência e da edição de textos virtuais), mas o mouse é sua criação mais famosa. O equipamento começou a ser usado no início da década de 1970, em computadores como Xerox Star, mas só virou costume com o lançamento do Macintosh em 1984. Até 1997, Douglas Engelbart havia recebido 10 mil dólares pela criação do mouse. O engenheiro se dizia decepcionado por não ter lucrado com o popular invento.

Conheça aqui, no Blog do Curioso, outros nomes fundamentais – e pouco conhecidos – na história da computação:

Rey Johnson (1906 – 1998)

A equipe de Rey Johnson, pesquisador da IBM, foi quem inventou o primeiro disco rígido, revelado ao mundo no dia 13 de setembro de 1956. Também conhecido por winchester e hard disk (HD), é o espaço físico para o armazenamento de dados de forma mais permanente. Tem esse nome porque é formado por um conjunto de discos não flexíveis. Naquela época, um disco rígido de 5 megabytes (o tamanho de um arquivo de música em MP3) era considerado grande. O primeiro HD que ultrapassou 1 gigabyte de memória foi criado em 1980, também dentro da IBM. O gigante de 250 quilos era do tamanho de uma geladeira e custava em torno de 40 mil dólares.

Robert Dennard (1932 -)

Em 1968, o engenheiro norte-americano Robert Dennard inventou a chamada memória RAM, sigla para Random Access Memory (memória de acesso aleatório). Trata-se de um dispositivo que fica constantemente em uso, onde o computador armazena as informações processadas. Os dados são gravados e apagados a todo instante. Quando o usuário salva a informação, ela sai da memória RAM e vai para o disco rígido. Quanto maior for a memória RAM do computador, mais rápido o aparelho será, pois terá espaço para processar mais dados de uma só vez.

Ted Hoff (1937 -)

O engenheiro da Intel desenvolveu o primeiro microprocessador, em fevereiro de 1971. Trata-se do chip principal do computador, também conhecido como CPU (Central Processing Unity ou Unidade Central de Processamento). É a peça que lê e executa as instruções dos programas. Os processadores mais conhecidos atualmente são o Pentium, o Celeron, o Athlon e o Duron. O microprocessador de Ted Hoff tinha o poder de computar tantas informações quanto o gigante Eniac, primeiro computador eletrônico digital de grande porte.

Karl Ferdinand (1850 – 1918)

O físico alemão Karl Ferdinand criou o primeiro monitor em 1897. É na tela (a parte de vidro) do monitor que aparecem as informações digitadas no teclado ou transmitidas pelo mouse e seus resultados. O tamanho de um monitor é medido como o de uma televisão: diagonalmente e em polegadas. A resolução determina a nitidez da imagem, e é medida pelo número de pixels verticais e horizontais que o monitor tem. Um monitor de baixa resolução pode exibir até 640 por 480 pixels; um de alta, 1280 por 1024. Cada pixel (picture element) representa um ponto na tela, e o conjunto de pixels forma uma imagem no computador. Quanto maior o número de pixels, mais clara e nítida é a imagem.

Christopher Latham Sholes (1819 – 1890)
James Densmore (1820 – 1889)


A criação do teclado para computador começou com a invenção da máquina de escrever, patenteada por Christopher Latham Sholes em 1868. Em 1872, James Densmore substituiu as teclas dispostas em ordem alfabética pelo teclado QWERTY, cujo nome vem das seis primeiras letras da fila superior, usadas pela mão esquerda. Na década de 1930, foi criado o teletipo, um equipamento que unia as tecnologias da máquina de escrever às do telégrafo. Era baseado no sistema que lia a combinação de perfurações de cartões. Os primeiros teclados de computadores surgiram da adaptação desse sistema de perfuração de cartões com a tecnologia do teletipo. Em 1948, para se inserir informações no computador Bivac, usava-se um tipo de máquina de escrever controlada eletronicamente. Quando surgiu o computador com tela, o usuário passou a enxergar o que estava teclando. Isso facilitou a criação e a edição de textos, deixando mais simples a programação e o uso dos computadores.

Scott Fahlman (1948 -)


Oficialmente, Scott Fahlman, cientista da computação da Pensilvânia (EUA), é o detentor dos créditos da invenção dos emoticons. Ele digitou o que foi considerado o primeiro emoticon da história no dia 19 de setembro de 1982, as 11h44. A mensagem original enviada por Scott ao fórum online da Universidade Carnegie Mellon foi:
Eu proponho que a seguinte sequência de caracteres seja usada para sinalizar uma piada:
: – )
Para sinalizar coisas que não sejam piadas, use:
: – (

No entanto, o uso de símbolos para representar emoções parece não ser exatamente um conceito criado nos anos 80. Esse assunto já foi explorado em outro post.

Esta página contém links de afiliados. Ao fazer uma compra por um desses links, o Guia dos Curiosos recebe uma comissão e você não paga nada a mais por isso.

Artigos Relacionados

Quem é o criador do Museu do Dodge?

Quem é o criador do Museu do Dodge?

O empresário paulista Alexandre Badolato lembra até hoje a data em que comprou seu primeiro Dodge: 6 de janeiro de 1999. Ele tinha 19 anos e arrebatou um Le Baron 1981. Oportunidades de comprar outros foram aparecendo e, quando ele percebeu, já tinha virado um...

10 curiosidades sobre o Instagram

10 curiosidades sobre o Instagram

O Instagram foi criado pelos desenvolvedores de softwares Kevin Systrom e Mike Krieger e lançado nos Estados Unidos em 6 de Outubro de 2010. A primeira versão era exclusiva para iPhones. O Instagram nasceu como uma rede social para compartilhamento de fotos e vídeos,...

0 Comentários

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Share This