São Onésimo

Onésimo (seu nome significa “útil”) viveu entre os séculos I e II, na Frigia (Ásia Menor). Antes de tornar-se cristão, foi escravo de Filemón. Um dia, Onésimo roubou seu amo e fugiu para Roma. Ali, recorreu ao apóstolo São Paulo, que o perdoou e o converteu. São Paulo enviou-o de volta a Filemón com uma carta de desculpas. Onésimo foi perdoado e passou a trabalhar corretamente. Acabou nomeado bispo de Éfeso. Foi preso na época do imperador Domiciano e levado a Roma, onde morreu apedrejado.