Santa Flora e Santa Maria

Santa Flora nasceu na Espanha e sofreu o martírio durante a perseguição maometana, em 851. Foi denunciada pelo irmão, presa e torturada, mas conseguiu escapar. Tentou refugiar-se junto a uma irmão, que a recusou por medo de represálias. Certa vez entrou na Igreja de Santo Acisclo para chorar e encontrou Santa Maria, que chorava pela morte do irmão.

Uniram-se na dor e na coragem para pararem de fugir. Foram mortas em 24 de novembro de 851.