Santa Dorotéia, São Paulo Miki e seus companheiros

Conhecida como a “Santa das Flores”, Dorotéia viveu de orações depois que seus pais sofreram martírio. Foi condenada à morte pelo governador Fabrício por manter-se fiel à fé cristã. Antes de morrer entregou seu lenço a Teófilo e ele se converteu. Nascido no Japão, São Paulo Miki seguiu rigidamente a vida religiosa, e por isso foi ordenado sacerdote. Quando a perseguição aos católicos japoneses começou, ele e outros 26 companheiros foram aprisionados e crucificados.