O presidente americano Gerald Ford escapou de tentativa de assassinato em São Francisco. Um tiro foi disparado pela ativista política Sara Jane Moore, que tinha problemas psicológicos. Condenada à prisão perpétua, ela deixou a cadeia em 2007, aos 77 anos, depois de 32 anos de reclusão.