O governo fascista da Itália proibiu o uso de palavras estrangeiras.