O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, condenado então por corrupção passiva e lavagem de dinheiro, foi preso pela Polícia Federal em São Bernardo do Campo (SP).